Cabeçalho modalidades

Há empates que sabem muito bem e este é um deles. Com a igualdade desta tarde no grande derby do desporto português, o Sporting CP garantiu matematicamente o primeiro lugar na fase regular, ao deter 10 pontos de vantagem (66 contra 56 do SL Benfica) quando faltam três jornadas para o fim da fase regular, logo apenas nove pontos por disputar.

Mas vamos falar um pouco sobre aquilo que se passou no decorrer dos 40 minutos da fase regular, algo que vai ajudar o nosso leitor a entender a razão pela qual o jogo terminou com uma divisão de pontos.

Para começar, foi um encontro igual a muitos outros derbies, com as duas formações a mostrar bastante respeito uma pela outra, atacando pela certa e com bastante cuidado na construção dos ataques, sem desguarnecer a defesa.

A partida foi sempre extremamente equilibrada, com remates perigosos por parte de ambos os conjuntos mas os guarda-redes ou defesas adversários (corte em cima da linha de Chaguinha, por exemplo) a pararem as investidas.

Anúncio Publicitário

Apenas uma oportunidade deu em golo na primeira metade, uma defesa do guarda-redes encarnado Bebé para a frente, ressalto em Chaguinha muito bem aproveitado por Edgar Varela, que só teve de encostar. Nota neste golo para o seu autor, um jovem português de apenas 21 anos, que nos dá garantias de qualidade na seleção a médio/longo prazo.

Edgar Varela só tem 21 anos mas tem uma grande margem de progressão Fonte: Futebol Shotokai
Edgar Varela só tem 21 anos mas tem uma grande margem de progressão
Fonte: Futebol Shotokai

Na segunda parte, logo a abrir, Bruno Coelho fixou o resultado em 1-1, com um desvio oportuno à saída do guardião leonino Marcão.

E, até ao fim, não se registaram mais alterações no marcador final, que soube melhor aos leões, garantindo automaticamente o primeiro lugar na fase regular e a tal vantagem de jogar três jogos em casa na final do playoff, que é a melhor de 5 jogos (ou seja, quem ganhar três jogos na final do play-off é o campeão nacional).

Ou seja, não foi um jogo com muitos golos (apenas dois) mas foi uma partida recheada de emoção e onde é de salutar o bom comportamento das claques, principalmente numa semana marcada por “cânticos” muito infelizes de adeptos afetos ao FC Porto durante um jogo de andebol. Não tem muito a ver com o futsal mas é sempre de lamentar e repudiar quando incidentes deste tipo sucedem.

 

Foto de Capa: Sporting Clube de Portugal- Futsal

Comentários