O Galatasaray é o único clube na Turquia que já ganhou uma Liga Europa. Foi em 2000 (na altura, Taça UEFA) e o treinador era Fatih Terim. Dezanove anos depois, o “imperador” quer voltar a reconquistar esse título, mas há graves problemas com os quais tem de lidar.

Na primeira parte da temporada, teve de lidar com a ausência de um avançado. Só em janeiro é que chegou Diagne, que marcou 32 golos em 34 jogos com a camisola do Kasımpaşa. No entanto, e contra todas as expectativas, o seu momento de forma com a nova equipa não tem sido o esperado. Ainda para mais quando se esperava tanto dele.

Para esta eliminatória, Fatih Terim ainda acredita que é possível seguir em frente. O Galatasaray jogou dois jogos contra o FC Porto na fase de grupos da Liga dos Campeões, mas foi infeliz. E se pensa que o FC Porto é capaz de bater o SL Benfica quando está na melhor forma, também acha que o Galatasaray é capaz de fazer o mesmo.

Especula-se mesmo que Terim vai utilizar uma tática similar à utilizada pelo FC Porto frente ao SL Benfica, nas meias-finais da Taça da Liga (culminou na única derrota de Bruno Lage no comando das águias, até ao momento).

Anúncio Publicitário

Para este jogo, Fernando está suspenso e a sua ausência é importante, uma vez que se trata de um jogador-chave na equipa turca. O nosso jornal (Fanatik) acredita que será o senegalês Badou Ndiaye a ocupar o lugar de médio mais defensivo, com o apoio no meio-campo de Selçuk İnan.

O argelino Féghouli assinou um hat-trick frente ao Kasimpasa
Fonte: Galatasaray SK

Em grande forma está Feghouli que marcou três golos no último jogo da liga. também Belhanda está num excelente momento. Na zona de ataque, convém destacar ainda Onyekuru que é o melhor marcador do Gala e o principal municiador do ataque da formação turca.

O Galatasaray vai apresentar-se com um 4-2-3-1, privilegiando o jogo interior – que é algo que não conseguiram em Istanbul – e dar um melhor uso às faixas laterais do ataque.

XI possível do Galatasaray SK:

Muslera – Mariano, Luyindama, Marcao, Nagatomo – Ndiaye, Selçuk – Feghouli, Belhanda, Onyekuru – Diagne.

Foto de Capa: Galatasaray SK