Desde a paragem para os jogos de seleções, Jorge Jesus tem chamado vários jovens dos escalões de formação do SL Benfica, para trabalhar com a equipa principal. Tiago Araújo tem sido um deles. O jovem português já teve até oportunidade de se estrear na equipa principal das águias, frente ao USC Paredes, e tem sido convocado com alguma regularidade. Mas, afinal, quem é Tiago Araújo?

Para quem acompanha mais regularmente as equipas de formação da equipa da Luz, Tiago Araújo é já um nome conhecido. Tiago começou a destacar-se nas equipas de juvenis e juniores, onde alinhava sempre como extremo esquerdo e tinha alguma propensão para fazer abanar as redes. Na época passada, o jovem natural de Vila do Conde desceu no terreno e começou a alinhar, muitas vezes, como defesa esquerdo na equipa de sub-23 das águias.

Primeiro com Jorge Maciel e depois com Luís Castro (não é o que estão a pensar), Tiago Araújo começou a mostra qualidade numa equipa que, apesar de não ter atingido objetivos desportivos, era riquíssima em talento.

Anúncio Publicitário

Esta descida no terreno acabou por surgir mais por uma questão de necessidade posicional do que propriamente por poder potenciar as capacidades do jogador.

Na minha opinião, para tirar melhor proveito de todas as suas qualidades, Tiago Araújo deve jogar sempre a extremo esquerdo. Se é verdade que fez uma época competente a lateral esquerdo, também é verdade que 90% dos seus melhores momentos surgiram em produção ofensiva.

Defensivamente, Tiago é ainda um jogador muito verde. Fisicamente não é um jogador potente, o que o pode prejudicar nos duelos. Posicionalmente tem também alguns defeitos. A sua velocidade e o facto do SL Benfica jogar quase sempre balanceado para o ataque mascarou, muitas vezes, estas debilidades.

Não obstante, é no ataque que o internacional sub-20 português mais brilha. Tiago Araújo é um extremo clássico muito vertical. A sua velocidade é uma das suas grandes armas. Ultrapassa facilmente os defesas. Embalado é um jogador dificílimo de travar.

Esta velocidade e a sua excelente capacidade de drible permitem-lhe adquirir espaço para efetuar aquilo que é outro dos seus fortes: o cruzamento. Do pé esquerdo de Tiago Araújo, a bola parece sair sempre teleguiada. Sempre de cabeça levantada, consegue colocar a esférico em zona de finalização de forma soberba.

Tiago Araújo faz lembrar Gareth Bale, ainda bem nos primeiros passos ao serviço do Tottenham Hotspur FC, mas sem a mesma potência física. Comparações à parte, Tiago Araújo é ainda um jogador em desenvolvimento, mas tem demonstrado uma evolução muito positiva.

Esta tendência mais vertical pode prejudicar o jogador na chegada à equipa A. Jorge Jesus tende a pedir aos seus extremos que realizem movimentos mais interiores. Se é verdade que Tiago o poderia fazer à direita, onde até podia demonstrar mais a sua boa qualidade de remate, não acredito que fosse a posição ideal do jogador.

Numa altura em que se discute muito um eventual esquema de três centrais, a posição de lateral ofensivo à esquerda podia ser uma boa opção para Tiago Araújo. Com mais um elemento no centro da defesa, não necessitaria de ter tantas preocupações do ponto de vista defensivo.

Os movimentos interiores de Everton (expectável que jogasse à sua frente) deixaria muito espaço no flanco para Tiago explorar e aproveitar as suas qualidades. Neste capítulo, até acho que desempenharia melhor a função do que Grimaldo, que deriva muito mais para o meio do que o português.

O que é certo é que Jorge Jesus parece pelo menos estar atento ao desenvolvimento de Tiago Araújo. O jovem continuará a evoluir dividindo-se entre equipa principal e equipa B. Tem muito potencial.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comente!
Por favor introduz o teu nome