Anúncio Publicitário

Rafa Silva e Simão Sabrosa

Muitos esquecem-se daquilo que Simão foi no Benfica. Apareceu na pior fase da história do Benfica, vindo do Barcelona, por aquele que tinha sido o valor recorde da altura (época 2001/02), por uns incríveis 12 milhões de euros. Desde então, começou a reerguer a equipa às costas nas épocas seguintes, em 6 épocas de águia ao peito, conseguindo uma Taça de Portugal e um campeonato, numa altura em que a hegemonia do F.C.Porto era evidente. Repare-se que, naquela que pode muito bem ter sido a melhor época da história do Futebol Clube do Porto, em 2003/04 com a conquista da Champions League, foi o Benfica que retirou o tri de Mourinho e venceu a Taça de Portugal.

Fonte: SL Benfica
Fonte: SL Benfica

Rafa Silva, teve um trajeto ligeiramente até chegar ao Benfica, a verdade é que protagonizou também uma grande transferência para o clube encarnado. Rápido e súper ágil, Rafa gosta de dar profundidade e, sendo um jogador destro e jogando na esquerda, gosta de descair para a zona central do terreno em busca do remate ou até em assistir um colega em melhor posição.

Anúncio Publicitário

Com certeza que Rafa não é, pelo menos por agora, exímio na marcação de bolas paradas, como o era Simão e ainda não tem aquele faro de golo que punha meia Europa de olho nele, porém, apurando o seu faro de golo, Rafa Silva poderá ser um grande símbolo do Benfica e, até agora, as suas parecenças com Simão, são evidentes.

Anúncio Publicitário