Anterior1 de 3Próximo

Nasceu da vontade de oito indivíduos num banco de Jardim em Belém, que sonharam em criar um clube de onde eram e que não tinham de ir jogar para outro sítio. Quem saberia que em 1919 surgiria esse mesmo clube e abriria uma porta para ficar na história do desporto português. O seu nome? Clube de Futebol “Os Belenenses”. Adeptos, simpatizantes e figuras históricas reuniram-se no Centro Cultural de Belém (CCB) para celebrar os cem anos do clube com pompa e circunstância como uma idade histórica o bem merece.

O início da gala começou com uma bela atuação de diversos jovens com tambores – Karma Portugal Drums. Depois houve espaço para um breve vídeo sobre a história do CF Belenenses. Um clube repleto de histórias para contar, que foi acompanhado de aplausos sempre que aparecia uma figura histórica, e foi desta maneira começou a Gala do centenário dos Azuis do Restelo.

A Gala do Centenário do clube começou com uma bela atuação dos Karma Portugal Drums
Fonte: Joaquim Galante/CF “Os Belenenses”

Porque do clube também fazem parte os sócios: a noite ficou marcada pela homenagem aos mesmos. Depois de uma atuação musical, foram entregues os emblemas de 75 anos de sócio do CF Os Belenenses a diversos sócios que dedicaram uma vida inteira a demonstrar o amor por este clube.

Infelizmente, nem todos estão presentes para ver esta bela festa do centenário, mas também estes foram homenageados por tudo aquilo que deram ao clube de Belém. Um dos nomes mais aplaudidos durante a noite foi, obviamente, Acácio Rosa, “o senhor modalidades”, e não é por acaso que o nome do Pavilhão do clube tem exatamente o seu nome.

Anterior1 de 3Próximo

Comentários