internacional cabeçalho

Fora de terras lusitanas também se joga futebol. E que futebol! Quem segue de perto os principais campeonatos internacionais tem assistido a alguns fenómenos que prometem tornar esta época aliciante até à última jornada. Desde a surpresa e o contentamento pelo regresso de alguns gigantes adormecidos nos últimos anos até à desilusão que tem sido observar o decrescer da qualidade de outros, todas as emoções são permitidas e legítimas.

Na Liga BBVA, disputada em território espanhol, Barcelona e Atlético de Madrid partilham a liderança com 21 pontos. Este facto só será uma surpresa para quem não tem acompanhado a época protagonizada pelos “colchoneros”, que contam por vitórias os sete jogos disputados até agora. Lutando contra a bipolarização do futebol espanhol, o Atlético parece querer intrometer-se numa luta pelo título erradamente anunciada a dois. Até ao momento vai sendo bem sucedido, tendo alcançado uma vantagem de cinco pontos sobre o eterno rival, Real Madrid, e conquistando um preciosa vitória no mais difícil estádio da capital castelhana, Santiago Bernabéu, casa do… Real Madrid. Curiosamente, à passagem da sétima jornada da última época, Barcelona e Atlético de Madrid dividiam também a liderança do campeonato espanhol. No final, o Atlético acabou a discutir o segundo lugar com o rival da capital, enquanto o Barcelona se sagrou campeão com mais 15 pontos que o Real Madrid.

Em Inglaterra, o Manchester United está a protagonizar um dos piores arranques de época de que os seus adeptos têm memória. Duas vitórias, um empate e três derrotas traduzem-se num 12ª lugar vergonhoso para o potencial da equipa e para o historial conquistado pelo clube. David Moyes parece não estar a conseguir lidar com a pressão de substituir o lendário Alex Ferguson e a urgência na conquista de pontos em Old Trafford aumenta a cada jornada que passa.

Por outro lado, Arsenal e, principalmente, o Liverpool parecem querer voltar a ocupar um lugar classificativo condizente com o seu estatuto de “grandes” do futebol inglês. Ambos estão a protagonizar um arranque de época notável, conseguindo conciliar resultados satisfatórios com uma qualidade de jogo apreciável para qualquer adepto do bom futebol.

Anúncio Publicitário

Mais um histórico do futebol europeu que dá sinais claros de ter renascido é a A.S. Roma. Seis jogos, seis vitórias, primeiro lugar isolado da Serie A. Num campeonato onde o A.C. Milan vai desiludindo, este clube da capital italiana mostra vontade de dar continuidade a um início de época imaculado e lutar pelo título, assumindo-se como principal concorrente de Nápoles e Juventus.

Em França e na Alemanha, a luta pela primeira posição é neste momento disputada por três equipas, com tendência a tornar-se numa disputa a dois com o decorrer do campeonato. Dortmund, Bayern de Munique e Bayer Leverkusen ocupam o pódio da Bundesliga, enquanto em França este é preenchido por Monaco, PSG e Marselha.

A época 2013/2014 promete nos principais campeonatos europeus. Estamos apenas em Outubro. Ainda há muitos campeonatos pela frente e nós estaremos cá para os acompanhar.