Cabeçalho Futebol InternacionalMais um fim-de-semana, mais uma ronda do Girabola´17. A 23ª jornada do campeonato angolano decorreu no passado fim-de-semana, dias 2 e 3 de setembro, e trouxe ainda mais incertezas em relação à decisão do título. Dos quatro candidatos ao título, apenas o Petro de Luanda venceu o seu jogo e aproveitou para ganhar alguma vantagem em relação à concorrência – 1º de Agosto, Kabuscorp e Rec. Libolo.

Ora, a equipa petrolífera recebeu e bateu o Recreativo da Caála por 3-0. Na partida disputada no Estádio 11 de Novembro, o destaque vai para o avançado Tiago Azulão, que bisou no encontro e cimentou, assim, a sua liderança na lista de melhores marcadores, com um total de 13 golos. Com esta vitória, o Petro alcançou os 50 pontos e poderá subir ao primeiro lugar, caso vença o seu jogo em atraso, frente ao ASA na próxima quarta-feira, dia 6.

O campeão em título, o 1º de Agosto, não foi além de um empate frente ao último classificado, o Santa Rita de Cássia. No Uíge, os Militares até foram para o intervalo a vencer pela margem mínima, mas permitiram o empate logo no início da 2ª parte. No final do jogo, a equipa de casa ficou com mais motivos para sorrir, dado que garantiu um ponto importante na luta pela permanência no Girabola.

Resultados da 23.ª jornada do Girabola´17 Fonte: Facebook do Girabola Zap
Resultados da 23.ª jornada do Girabola´17
Fonte: Facebook do Girabola Zap

O jogo de destaque da jornada colocou frente a frente o Recreativo do Libolo e o Kabuscorp do Palanca. No Calulo, a expetativa era enorme entre os adeptos das duas equipas para o embate entre os dois crónicos candidatos ao título, mas o jogo não teve golos e terminou empatado a zero. Com este resultado, ambos os clubes atrasaram-se ainda mais na discussão do título, quando faltam apenas seis jornadas para se jogar.

Quem não parece acusar a pressão dos quatro candidatos ao título é o Sagrada Esperança. Atualmente no 3.º lugar da classificação, a equipa treinada pelo turco Ekrem Asma bateu o Académica do Lobito por 2-1 e continua a provar que é a “Equipa-Revelação” da edição 2017 do campeonato angolano.

Anúncio Publicitário

Em jeito de conclusão, no final da jornada, o único que teve motivos para sorrir foi o Petro de Luanda, mas até final tudo se mantém incerto quanto ao futuro campeão angolano. As próximas jornadas poderão ajudar a dissipar todas as dúvidas na frente do campeonato.

 

Foto de Capa: Girabola Zap

Artigo revisto por: Francisca Carvalho