A 14.ª jornada do Girabola jogou-se no fim-de-semana dos dias 5 e 6 de maio, e, como tem sido habitual, foi repleta de muita ação e incerteza quanto aos vencedores de cada encontro!

O campeão em título, 1.º de Agosto, não jogou nesta ronda, por estar a representar o país na Liga dos Campeões: na primeira jornada da fase de grupos desta competição, o conjunto de Zoran Maki recebeu no Estádio 11 de Novembro o Étoile du Sahel da Tunísia, e empatou a uma bola.

O jogo grande da jornada colocou frente-a-frente dois candidatos ao título: Petro e Interclube jogaram no domingo, dia 6. A jogar em casa, a equipa petrolífera queria dar seguimento a série de três jogos consecutivos sem perder, perante um Interclube que pretendia recuperar da derrota frente ao 1.º de Agosto, na ronda anterior. A vitória acabou por sorrir aos visitados: Carlinhos e Tony fizeram os golos do Petro, ao passo que Kaporal marcou o golo do Interclube. Perante este resultado, o Petro já alcançou o terceiro lugar da classificação, estando a 5 pontos do líder Interclube.

O Recreativo do Libolo voltou a somar um resultado negativo em casa
Fonte: Recreativo do Libolo

A surpresa da jornada ocorreu no Calulo! A jogar em casa, o Recreativo do Libolo recebia o FC Casa Militar, e toda a gente achava que, com maior ou menor dificuldade, o Libolo acabaria por vencer o seu encontro. Mas os visitantes tinham outra ideia no pensamento: durante os 90 minutos, os homens do Cuando Cubango não se encolheram perante um adversário mais poderoso, aproveitaram a ineficácia dos atacantes libolenses e conquistaram a vitória: Mussa fez o único golo do jogo, que valeu três pontos.

Anúncio Publicitário

O Kabuscorp conseguiu vencer o seu compromisso. No Estádio dos Coqueiros, a equipa comandada por Sérgio Traguil derrotou o Bravos do Maquis por duas bolas a zero. Os golos que possibilitaram ao conjunto do bairro do Palanca somar mais três pontos foram marcados na segunda parte, por Mussumari e Filhão. Assim, o Kabuscorp subiu até ao sétimo posto da classificação, com 16 pontos.

Nos restantes encontros, o Sporting de Cabinda venceu no seu terreno o 1.º de Maio de Benguela por 2-0, resultado igualmente verificado a favor da Académica do Lobito na receção ao Rec. da Caála. Domant FC e Desportivo da Huíla empataram a uma bola.

Em suma, podemos já afirmar que o Petro finalmente começa a mostrar o porquê de ser um dos candidatos ao título, pois, de jornada em jornada, tem vindo a mostrar uma qualidade exibicional consistente, o que tem permitido alcançar triunfos e, consequentemente, subir lugares na classificação.

Em contrário, o Interclube demonstrou não estar tão preparado para discutir o título, dado que perante os principais favoritos a conquistar o Girabola (1.º de Agosto e Petro de Luanda) teve dois resultados negativos. Veremos se a equipa de Paulo Torres conseguirá recuperar destes dois desaires consecutivos e manter-se na liderança do campeonato angolano.

Foto de Capa: Girabola Zap

Artigo revisto por: Jorge Neves

Comentários