Análise à 5.ª jornada da Liga dos Campeões

    Após a 5.ª e penúltima jornada da fase de grupos da Liga dos Campeões, há já 11 equipas com passaporte para os oitavos de final da prova. No entanto, há ainda muito por decidir. Se sobram cinco vagas na fase seguinte, há, ainda, 12 equipas que sonham com esse desígnio. Para além disso, várias equipas procuram um lugar de consolação na Liga Europa.

    Não se pode dizer que tenha sido pródiga em surpresas, mas esta jornada da prova milionária não deixou de ter vários momentos de interesse.

    Comecemos, então, pelos grupos das equipas portuguesas presentes na Liga dos Campeões:

    O FC Porto foi o primeiro a entrar em campo e voltou a dar muito mais ao jogo do que o que recebeu do mesmo em mais um embate com o FC Barcelona e voltou a sair derrotado. Os portistas até saíram na frente, mas golos de Cancelo e João Félix viraram o jogo a favor dos catalães, que selaram o apuramento e o primeiro lugar do grupo H. Os dragões protagonizaram uma primeira parte de bom nível, mas, na segunda, também por alguma inoperância do treinador a partir do banco, não foram capazes de manter o ritmo e a agressividade e acabaram por sucumbir.

    João Félix João Mário em jogo da Liga dos Campeões
    Fonte: Diogo Cardoso/Bola na Rede

    No mesmo grupo, o FK Shakhtar Donetsk bateu, como se esperava, o Royal Antuérpia FC e igualou os portistas na classificação. Na última jornada os ucranianos visitam o Estádio do Dragão e, apesar da igualdade pontual, precisam de vencer para passar.

    Na quarta-feira foi a vez de SC Braga e SL Benfica entrarem em campo. Uma noite que esteve para ser de sonho e acabou em pesadelo para as águias e que esteve para ser de tristeza em Braga, mas acabou saborosa.

    Mas vamos por partes. No grupo D, depois de uma primeira parte de alto nível (os encarnados a darem, finalmente, um ar da sua graça), o SL Benfica vencia ao intervalo. No entanto, após o reatar, a equipa, irreconhecível, caiu como um castelo de cartas e permitiu que o FC Inter de Milão empatasse o jogo e ainda viu António Silva ser expulso pela segunda vez nesta edição da Liga dos Campeões.

    No outro jogo do grupo, entre Real Sociedad de Fútbol e RB Salzburgo, também se verificou um empate e será, portanto, necessário um autêntico milagre para que as águias possam, ainda, sonhar com a Liga Europa.

    Já na Pedreira, num jogo a contar para o grupo B, o SC Braga viu Niakaté ser expulso à meia hora e o 1. FC Union Berlin adiantar-se no marcador perto do intervalo. Todavia, numa segunda parte heroica, os guerreiros conseguiram segurar um ponto que, aliado à derrota do SSC Nápoles, no Bernabéu, frente ao Real Madrid CF, para além de aproximar os bracarenses da Liga Europa, permite manter vivo o sonho do apuramento que está, ainda assim, dependente de uma categórica e improvável, vitória em Nápoles no último jogo.

    Kevin Volland e Cristián Borja no jogo da Champions League
    Fonte: Paulo Ladeira/Bola na Rede

    Passemos agora, brevemente, pelos restantes grupos desta edição da Liga dos Campeões:

    No grupo A, o FC Bayern, que já tinha garantido o primeiro posto, empatou, surpreendentemente, em casa frente ao FC Copenhaga e os dinamarqueses são, agora, a equipa mais bem posicionada para acompanhar os bávaros na próxima fase. Na próxima jornada, os nórdicos defrontam, em casa, o Galatasaray SK e um empate poderá ser o bastante para uma qualificação inédita para os oitavos de final. Os turcos que agudizaram a crise de resultados do Manchester United FC na prova. Recuperaram de uma desvantagem de dois golos, empataram 3-3 e mantiveram os ingleses no último lugar do grupo. Na derradeira jornada o Galatasaray vai à Dinamarca e os Red Devils recebem o FC Bayern. Caso o Manchester United não vença os alemães, a decisão passará única e exclusivamente pelo jogo entre turcos e dinamarqueses.

    Avançando para o grupo B, o Arsenal FC venceu, confortavelmente, em casa, o RC Lens e, para além de ter carimbado o apuramento, assegurou o primeiro lugar do grupo e consequente condição de cabeça de série nos oitavos de final. Em segundo, com oito pontos e praticamente apurado, segue o PSV Eindhoven que venceu um Sevilha FC reduzido a dez com uma reviravolta nos instantes finais do jogo. Os espanhóis, com apenas dois pontos, dizem adeus à prova e, muito provavelmente, às competições europeias.

    Já no que diz respeito ao grupo E, esta foi uma jornada de decisões. O Club Atlético de Madrid venceu o Feyenoord em Roterdão e a SS Lazio bateu os escoceses do Celtic FC, em casa. Ambas as equipas asseguraram, assim, o apuramento, ficando o primeiro lugar do grupo para decidir na última partida quando os italianos visitarem a capital espanhola. O Feyenoord irá disputar a Liga Europa e o Celtic diz adeus às competições europeias.

    FC Porto v Royal Antwerp FC: Group H - UEFA Liga dos Campeões 2023/24
    Fonte: Diogo Cardoso/Bola na Rede

    O grupo da morte desta edição da Liga dos Campeões e, talvez, o mais interessante desta fase de grupos, também começa a definir-se. O BV Borussia Dortmund venceu, categoricamente, em Milão (1-3) e, com dez pontos, adiantou-se na frente do grupo. Os alemães já estão apurados para a fase seguinte e muito dificilmente abandonarão o primeiro posto. Falta definir quem acompanha o Borussia no caminho para os oitavos de final, com o Paris Saint-Germain FC, após um empate polémico, in extremis, caseiro, frente ao Newcastle United FC, a perfilar-se como principal candidato. Os franceses somam sete pontos contra os cinco dos ingleses e do AC Milan. Na última jornada, o PSG vai a Dortmund e o AC Milan desloca-se a Newcastle.

    Por fim, no grupo G, assistimos a mais uma prova de categoria do campeão europeu, o Manchester City FC, que, a perder ao intervalo por 0-2, acabou por bater o RB Leipzig, que também já estava apurado, por 3-2 e confirmou não só o primeiro lugar do grupo, mas, também, o estatuto de favorito à conquista final. No outro jogo do grupo, os suíços do BSC Young Boys receberam e venceram o FK Estrela Vermelha e estão, virtualmente, apurados para o play-off da Liga Europa.

    Portanto, e terminando como começámos, foi uma jornada de grandes jogos e muitas decisões na Liga dos Campeões. Contudo, há ainda muito por definir, nomeadamente no que ao destino das equipas portuguesas diz respeito, na última jornada que se disputa nos dias 12 e 13 de Dezembro. Não percam o próximo episódio, porque nós também não.

    - Advertisement -

    Subscreve!

    Artigos Populares

    Bernardo Lobo Xavier
    Bernardo Lobo Xavierhttp://www.bolanarede.pt
    Fervoroso adepto do futebol que é, desde o berço, a sua grande paixão. Seja no ecrã de um computador a jogar Football Manager, num sintético a jogar com amigos ou, outrora, como praticante federado ou nos fins-de-semana passados no sofá a ver a Sporttv, anda sempre de braço dado com o desporto rei. Adepto e sócio do FC Porto e presença assídua no Estádio do Dragão. Lá fora sofre, desde tenra idade, pelo FC Barcelona. Guarda, ainda, um carinho muito especial pela Académica de Coimbra, clube do seu pai e da sua terra natal. De entre outros gostos destacam-se o fantástico campeonato norte-americano de basquetebol (NBA) e o circuito mundial de ténis, desporto do qual chegou, também, a ser praticante.