Tudo ou nada

    Em Espanha, tal como em grande parte das ligas europeias, começa agora a fase do tudo ou nada. Digam o que disserem, a fase final da época é provavelmente o ciclo mais importante no conjunto de jogos que compõem um campeonato de futebol. Na verdade, a linha que separa o tudo do nada é, de facto, muito ténue, ficando quase sempre marcada por jogos muito específicos.

    Como é óbvio, um dos jogos que têm uma capacidade extra de definir toda uma época é o Real Madrid–Barcelona. O maior clássico do mundo está para breve, muito breve, aliás. Contudo, antes da realização dessa partida (29ª jornada), o Real Madrid terá de se deslocar ao terreno do Malága, o Barcelona terá de receber, em casa, o Osasuna, e o Atlético Madrid terá de defrontar o Espanyol, no Vicente Calderón.

    No fundo, a 28ª jornada da Liga BVVA pode perfeitamente ser uma das mais decisivas de todo o campeonato, e são vários os fatores que o explicam:

    Com quatro pontos de vantagem sobre o Barcelona e três sobre o Atlético Madrid, o Real Madrid vai fazer tudo para, no mínimo, manter a diferença pontual sobre os rivais. A ideia de entrar no clássico com a possibilidade de perder o jogo e mesmo assim permanecer à frente do Barcelona na tabela classificativa agrada a qualquer merengue. No entanto, perspetivam-se grandes dificuldades para o Real Madrid no La Rosaleda. O Málaga, apesar de estar a realizar uma época com resultados negativos, é sempre uma formação difícil de bater, principalmente jogando em casa – e, atenção, o Real Madrid tem perdido imensos pontos na Andalucía. É um jogo de campeões, não tenham dúvidas.

    Na época passada, o Real Madrid perdeu no La Rosaleda por 3-2 Fonte: Periodistasanonimos.com
    Na época passada, o Real Madrid perdeu no La Rosaleda por 3-2
    Fonte: Periodistasanonimos.com

    O Barcelona, por seu turno, está obrigado a ganhar todos os jogos da liga, caso queira ser campeão. Os já referidos quatro pontos de atraso para o Real Madrid não concedem nenhuma margem de manobra, e os catalães estão proibidos de vacilarem. O jogo no Camp Nou frente ao Osasuna pode ser o tónico necessário para restaurar os níveis de confiança perdidos nos últimos jogos. Porém, e apesar de a vitória do Barcelona ser o resultado esperado, os homens de Tata Martino já mostraram que esta época são capazes de surpreender… pela negativa;

    Por último, o Atlético Madrid continua a intrometer-se – e de que maneira – entre os dois colossos espanhóis. Diego Costa e os restantes companheiros têm a oportunidade de, em caso de vitória, exercer uma pressão extra no clássico. Se ganhar o jogo do próximo sábado frente ao Espanyol, o Atlético entra na 29ª jornada sabendo que poderá recuperar terreno sobre o Real Madrid, aumentar a distância sobre o Barcelona ou, quem sabe, ambas as coisas. O que é certo é que o próximo jogo é uma oportunidade de ouro para o Atlético Madrid “atacar” os rivais. Todavia, é sabido que os colchoneros têm facilitado nos momentos mais decisivos. Este é, logicamente, o momento certo para inverter a tendência.

    Infelizmente teremos de esperar até domingo à tarde para perceber quem ficará mais perto da linha da meta. Independentemente dos resultados, o que é certo é que o tudo e nada está mesmo ao virar da esquina. Acelerem, rapazes!

    - Advertisement -

    Subscreve!

    Artigos Populares

    Mais uma baixa importante no Liverpool

    Mais uma lesão confirmada no Liverpool. Jurgen Klopp confirma...

    Santos confirma contratação de Gabriel Brazão para a baliza

    Gabriel Brazão confirmado oficialmente como reforço do Santos. O...

    Adidas vai fazer regressar a bola do Euro 2004

    A Adidas vai trazer de volta a bola utilizada...

    Já há árbitro para o Sporting x Benfica, jogo de Taça de Portugal

    Fábio Veríssimo é o eleito para arbitrar o Sporting...
    Pedro Beleza
    Pedro Beleza
    Benfiquista até ao último osso, mudou-se do Norte para Lisboa para poder ver o seu Benfica e só depois estudar Jornalismo. O Pedro é, acima de tudo, apaixonado pelo desporto rei e não perde uma oportunidade de ver um bom jogo de futebol.                                                                                                                                                 O Pedro escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.