SITE TEMPORÁRIO

22 de Janeiro, 2022

O extraordinário momento de Mohamed Salah

Quando falamos em estrelas em ascensão, temos de falar de Mohamed Salah. O jogador egípcio que passou de flop a estrela tem tido uma carreira atribulada, mas conseguiu no ultimo ano mostrar que é um dos melhores jogadores jovens do mundo.  Ao serviço do Liverpool, Salah tem sido a grande figura do reds, que ainda disputam a Liga dos Campeões.

O extremo começou a sua carreira profissional no FC Basel, em 2012, onde captou logo as atenções dos grandes clubes europeus. Acabou por ser contratado pelo Chelsea FC, na altura comandado pelo português José Mourinho.  Depois de dois fracos anos em Londres, onde apenas disputou 19 jogos e marcou dois golos, o egípcio acabou por se tornar num “flop”, tendo sido emprestado aos italianos da ACF Fiorentina onde também não teve uma boa performance. Salah consolidou assim o seu estatuto de “flop”, visto que veio rotulado para Inglaterra como um potencial craque e que depois não correspondeu às altíssimas expetativas.

Eis que em agosto de 2015, as coisas mudaram para o jogador: como o término do empréstimo à equipa viola, o extremo voltou a ser emprestado, desta vez, à Roma, com uma opção de compra futura sediada nos 15 milhões de euros. Fez uma excelente época em Roma, que culminou com o prémio de melhor jogador da temporada em Itália, com 14 golos marcados (melhor marcador da sua equipa) e seis assistências. Voltou a ser visto com outros olhos, e no ano passado regressou a Inglaterra, para representar o Liverpool FC, depois de uma transferência de 42 milhões de euros, tornando-se o jogador africano mais caro da história.

Salah tem sido uma das estrelas do Liverpool FC, esta época, e é o melhor marcador europeu
Fonte: Liverpool FC

Salah chegou a Liverpool para ser mais uma ajuda para o clube, tal como outros tantos, mas desde a sua estreia, frente ao Watford FC, que se tem vindo a destacar, não podendo ser visto apenas como uma ajuda, mas sim como uma peça fundamental para a equipa de Jurgen Klopp. Depois da saída de Philippe Coutinho, para o Barcelona, Salah assumiu um papel mais preponderante na equipa e tem correspondido muito bem. O jogador africano já conquistou os adeptos de Anfield e esta época já festejou por 36 vezes em apenas 41 jogos, tendo marcado um póquer na ultima partida, diante do Watford FC.

Rápido, versátil, com um bom drible e uma boa meia distancia, a estrela da seleção egípcia (conta com 56 internacionalizações e marcou o célebre golo que qualificou o Egipto para um Mundial, 28 anos depois) marcou nos últimos sete jogos a contar para o campeonato inglês e este é sem duvida o melhor momento de forma do jogador. O egípcio é o melhor marcador europeu e o seu futuro em Inglaterra é, neste momento, incerto, pois é um dos jogadores mais cobiçados do mundo.

Com apenas 25 anos e com este talento todo a vir ao de cima, nos últimos tempos, Mohamed Salah já se tornou um dos melhores jovens jogadores do mundo e, agora sim, pode ser rotulado com um craque do futebol mundial.

Foto de Capa: Liverpool FC