Cabeçalho Liga Espanhola

Para muitos a melhor liga do Mundo; para outros tantos a liga pouco interessante que, ano após ano, salvo algumas exceções, se decide entre apenas duas equipas, vive nesta época mais uma situação dessas. FC Barcelona e Real Madrid voltam a estar no epicentro da decisão do título e protagonizam uma das lutas mais renhidas pelo troféu da Liga, que teve como último episódio de maior relevância a vitória catalã por 3-2 em casa do rival, o que permitiu que a vantagem do Real Madrid sobre o seu opositor direto se anulasse, numa altura em que faltam, até ao final do campeonato, quatro jogos ao Barcelona e cinco ao Real Madrid. E é aqui que surge a vantagem madrilena na corrida que ditará o novo campeão da La Liga.

Após o jogo entre as duas melhores equipas do campeonato espanhol já mais uma jornada foi jogada. O Real Madrid deslocou-se à Corunha para bater o Deportivo local por 6-2 e o Barcelona recebeu e destronou o Osasuna com um esclarecedor 7-1. A derrota em casa dos comandados de Zidane frente aos de Luis Enrique não parece, por isso, ter abalado a confiança e a motivação da equipa blanca, que voltou aos bons resultados logo no jogo seguinte, mas talvez ainda não tenha chegado a hora certa de testar essa confiança e essa motivação da equipa, uma vez que os jogos que se avizinham podem ainda trazer dificuldades e voltar a colocar à prova o valor da equipa de Madrid.

O Real Madrid é segundo classificado, mas tem um jogo a menos relativamente ao Barcelona Fonte: Real Madrid CF
O Real Madrid é segundo classificado, mas tem um jogo a menos relativamente ao Barcelona
Fonte: Real Madrid CF

O primeiro novo teste está marcado já para a próxima jornada, na qual recebe a sempre difícil de bater formação do Valencia, que, lembre-se, venceu na primeira volta em casa por 2-1. No entanto, o favoritismo estará, claro, do lado da equipa da casa, que para além de ter um plantel mais forte terá o apoio dos seus adeptos. Após essa jornada, o Real, desta vez fora, defronta o Granada. À partida este jogo não deverá colocar dificuldades a Ronaldo e companhia, assim como não colocou na primeira volta quando a equipa de Carcela saiu derrotada por 5-0 do Santiago Bernabéu. O mesmo não acontece com os restantes e últimos três jogos do campeonato. O Real Madrid, nestas derradeiras três jornadas, recebe o Sevilla, desloca-se a Vigo, naquele que é o jogo atrasado ou match point, e a Málaga. Na primeira volta, contra estas três equipas, o Real conseguiu seis pontos, tendo perdido em casa no Sánchez Pizjuán, daí que não se esperem grandes facilidades nestes três encontros para a equipa de Zidane, até porque as vitórias frente a Celta de Vigo e Málaga foram ambas pela margem mínima.

Olhando para o que falta jogar ao Barcelona no campeonato, tudo parece mais fácil para os catalães, uma vez que o jogo mais desafiante que deverão ter até ao final de época é frente ao Villarreal, fora de casa, uma jornada depois de disputar o dérbi de Barcelona contra o Espanyol. Depois disso, joga fora com o Las Palmas e recebe o Eibar.

Parece claro que, para além da boa fase motivacional que a equipa do Barcelona atravessa depois de derrotar o Real Madrid no Santiago Bernabéu, o calendário também está a seu favor.

Foto de Capa: La Liga

Comentários