Foi um dos assuntos mais falados em Espanha durante a semana. Marcelino Toral, que foi demitido do Villarreal no início desta época, é acusado por muita gente de se ter deixado perder na última jornada do campeonato passado frente ao Sporting de Gijón, que assim garantiu a manutenção. Há vários factos que que alimentam a suspeição e até a mulher de Marcelino contribuiu para a mesma.

Marcelino é asturiano e adepto confesso do Sporting Gijón, clube onde se formou como jogador há muitos anos atrás. Na última jornada do ano passado, quis o destino que o Villarreal, já com o quarto lugar garantido, defrontasse o Gijón que estava abaixo da linha de água. Então, Marcelino resolveu dizer (e, depois, reafirmar) que não queria que o Gijón descesse de divisão. Ora, dado que o Gijón só poderia salvar-se se pontuasse, o que Marcelino disse é equivalente a ter dito que não queria que o Villarreal ganhasse o jogo.

Mas o, então, treinador do Villarreal não se ficou pelas palavras. Nessa semana, Marcelino deu três dias de folga aos seus jogadores e resolveu deixar os seus melhores jogadores no banco (como Bruno Soriano, Denis Suárez, Soldado ou Bakambu). O resultado final é fácil de adivinhar. O Gijón venceu por 2-0 e conseguiu, assim, a manutenção. A mulher de Marcelino decidiu, então, expressar a sua felicidade via Twitter: “Saio das Astúrias com o trabalho feito!!!! Deixamo-vos na primeira”.

Marcelino esteve três épocas no comando do Villarreal Fonte: Villarreal C.F.
Marcelino esteve três épocas no comando do Villarreal Fonte: Villarreal C.F.

Tudo isto, naturalmente, levantou polémica logo na altura e o assunto reacendeu-se agora porque o Presidente do Villarreal deu a entender que a demissão do treinador esteve relacionada com aquele jogo. Marcelino, entretanto, já se defendeu. Diz que é profissional e honrado, que tinha feito o mesmo na época anterior, que o Villarreal até atirou uma bola ao poste e que, se, de facto, houvesse alguma coisa a esconder, a sua mulher não teria feito o tweet.

Pois, talvez. Mas a mulher de Marcelino pode fazer o que quiser. Ao Marcelino não basta ser honesto, também tem de parecer.

Comentários