Quinta-feira, 9 de agosto, 17h: o mercado de transferências fechava em Inglaterra. Num ano em que a janela de transferências da Premier League fechou antes da primeira jornada (ao contrário do habitual final de agosto), os milhões movimentados foram muitos – mas mesmo muitos.

O famoso deadline day foi, como era esperado, de loucos. O Everton de Marco Silva foi o clube mais dispendioso neste último dia de mercado: foi buscar Yerry Mina e André Gomes a Barcelona (o segundo por empréstimo), Bernard a custo zero e ainda Kurt Zouma ao rival Chelsea (também por empréstimo).

Olhando para o que se passou no país de Sua Majestade, chega-se ainda à conclusão de que o Liverpool foi a equipa que mais investiu (182,2 milhões de euros), enquanto o Tottenham não realizou qualquer transferência.

Em mais uma época da melhor liga do mundo, os grandes nomes desta continuam a merecer a atenção dos adeptos do futebol. Analisemos, então, aquelas que serão, à partida, as 10 contratações com maior impacto na Premier League

1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
Artigo anterior#Reconquista
Próximo artigoThibaut Courtois: “Cheguei ao melhor clube do mundo”
O João é estudante de Jornalismo na Escola Superior de Comunicação Social. Herdou do avô o amor pelo Benfica e o gosto pela escrita. Pelo meio, encontrou a sua doença: o futebol. Apesar de ser presença assídua na Luz, a leitura que faz do jogo sempre o afastou de clubites agudas. Fora de portas, é simpatizante do Real Madrid e do AC Milan. Tem como maiores ídolos Cristiano Ronaldo e Pablo Aimar. Também não desgosta do Éder.                                                                                                                                                 O João escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.