Cabeçalho Liga Inglesa

Alexis Sanchez, o astro chileno dos gunners, completa aos 28 anos a sua terceira época ao serviço do Arsenal, encontrando-se actualmente na quarta posição do campeonato e com pé e meio fora da Liga dos Campeões.

Se do ponto de vista individual, Alexis se encontra a realizar uma das suas melhores épocas de sempre – em 39 jogos, conta com 21 golos e 11 assistências – no ponto de vista colectivo, Alexis não tem feito por esconder todo o seu desespero e frustração, que em parte se explica pela sua extraordinária mentalidade vencedora, pelo péssimo desempenho desportivo e exibicional que os londrinos têm vindo a demonstrar em 2016/2017.

Estamos a falar, sem qualquer dúvida, de um craque, um jogador com o condão de mudar o rumo de uma partida com um rasgo de genialidade, aliando aos seus muitos argumentos técnicos a uma enorme capacidade física, que, disciplinada com uma forte vertente táctica, tem tudo para se elevar ao topo do futebol mundial e ser estrela em quase todas as equipas do mundo. Provavelmente, Alexis será, olhando para o estado actual e para os jogadores que poderão agitar o próximo defeso, alguém que mais água na boca fará crescer a quem planeia um acrescento de qualidade no seu plantel, e dotá-lo de um verdadeiro artista capaz de levar um clube à maxima glória.

Alexis pode não vestir a camisola do Arsenal no final da época Fonte: Arsenal FC
Alexis pode não vestir a camisola do Arsenal no final da época
Fonte: Arsenal FC

A ideia de que o Arsenal é actualmente um barco à deriva, desprovido de um comandante com uma liderança forte e assertiva, não parece ajudar um Arsenal necessitando desesperadamente de ajuda, fruto da pouca definição que parece o clube ter no que diz respeito aos seus objectivos e rumo traçado. Assim, outra novela que orbita à volta do clube londrino é justamente relativa a Alexis, e diz respeito à sua renovação de contrato, que se vai arrastando desde o verão e que, não chegando a bom porto, poderá ditar a saída do chileno já no próximo mercado de tranferências.

Anúncio Publicitário

Sem prejuízo, caro leitor, de a resposta ao que se segue ser “Todos” (o que para efeitos do presente não se admite), que clubes deveriam estar atentos a situação de Alexis e abrir os cordões à bolsa para garantir a sua contratação?

Existe o rumor de Paris Saint-Germain estará interessado na contratação do chileno, que poderá assim juntar o seu nome aos de Cavani, Di Maria, ou Draxler. Seria tremendo ver um ataque formado por estes quarto jogadores que, devidamente oleados, formariam a par da MSN a melhor máquina ofensiva do futebol europeu. Pese embora os milhões, que todos sabemos o quão alto estes falam, a menor expressão da liga francesa poderá tornar-se um obstáculo à contratação, que dificilmente será conseguida ser necessidade de bater qualquer concorrência.