Cabeçalho Liga Italiana

No Mundo do futebol, a Série A sempre foi uma das melhores ligas do Mundo, quer pela qualidade de jogadores que a Itália tem produzido ao longo dos anos, quer pelo facto de possuir alguns dos clubes mais poderosos de sempre, como a Juventus e o AC Milan, quer por possuir equipas de renome internacional e com bastante historial como o Internazionale, o AS Roma, o Nápoles, Lázio ou a Fiorentina. Assim, todos anseiam pelo regresso do campeonato italiano aos seus melhores dias.

Hoje, com a total hegemonia da Juventus e com as claras quebras dos dois clubes de Milão, quer o Milan quer o Inter, nem os regressos da Nápoles ou da Roma, conseguem produzir a quantidade de títulos europeus e nacionais que os adeptos de futebol exigem do Calcio. Muitos jogadores encontram-se, atualmente, recetivos para se mudar para clubes italianos (à exceção, claro, da Juventus), os ditos grandes não conseguem disputar o campeonato até metade da temporada. Em contexto europeu existe uma falta de competitividade preocupante e, juntando a isto tudo, os clubes já se encontraram financeiramente melhores.

A verdade é que, com a aposta em jovens, a Serie A tem vindo a adaptar-se às mudanças no futebol atual e, nesta temporada, conseguimos já ver uma Juventus candidata a vencer a Champions League, um Nápoles nos oitavos de final, uma Roma forte que apenas foi eliminada da Liga Europa por um forte Lyon, um Milan, um Inter, uma Lázio e um Torino a voltarem a aparecer e o Roma a jogar futebol como há muito não se via. Com isto, muitas são as estrelas em total explosão.

Com isto, não irei falar, obviamente, de estrelas já consagradas como Dybala, Hamsik ou Icardi, ou de jogadores com uma longa carreira,mas sim de jogadores que têm apresentado um grande nível de exibição esta temporada e que serão ídolos da próxima geração num futuro breve.

Anúncio Publicitário