Anterior1 de 2

É com naturalidade que assistimos a jogadores de futebol tornarem-se treinadores quando decidem “pendurar as chuteiras”. Desta forma, aplicam o conhecimento adquirido nos relvados durante anos, como a “teoria” do jogo ou a gestão dos seus atletas.

No Futebol atual, existem inúmeros técnicos que registaram belas carreiras como jogadores, e que a determinada fase das suas vidas decidiram trocar o interior das quatro linhas pelos bancos de suplentes. Há certos futebolistas que, analisando o seu modo de jogo e a forma como tomam decisões, podemos prever que têm potencial para liderar o comando técnico de uma equipa.

Neste artigo, selecionámos cinco antigos jogadores que se tornaram treinadores com pouca ou nenhuma experiência na função, sendo apostas de risco por parte de grandes emblemas europeus num passado recente.

Em jeito de curiosidade, esta lista é dominada por antigos médios.

Anterior1 de 2

Anúncio Publicitário

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comente!
Por favor introduz o teu nome