Cabeçalho Futebol Internacional

Neste mês de junho vai disputar-se a décima edição da Taça das Confederações, na Rússia. O representante da América do Sul vai ser o Chile, por ter vencido a Copa América em 2015, em pleno território chileno.

Atualmente, com um treinador diferente dessa altura, os chilenos são um dos candidatos à vitória nesta competição. Juntamente com Portugal, México e Alemanha, vejo os chilenos com hipóteses reais de vencerem o torneio. Com vários jogadores a atuarem nos melhores campeonatos europeus, esta seleção é bastante competitiva, ou não estivesse habituada a competir permanentemente com países como Uruguai, Brasil ou Argentina nas competições continentais.

Anúncio Publicitário