A FIGURA:

Fonte: Seleção Russa de Futebol (национа́льная сбо́рная Росси́и по футбо́лу)

Igor Akinfeev – Ao longo dos 120 minutos de jogo, os espanhóis foram tentando violar o pacto de não agressão. E teriam-no feito se não fosse Akinfeev, que teve de ser batido pelo próprio companheiro de equipa.

Nos penáltis, agigantou-se e defendeu os remates de Koke e Iago Aspas. Com mais de 100 internacionalizações pela Seleção Russa, esta tarde entrará, com destaque, para o seu vasto portefólio de grandes exibições.