Anterior1 de 6Próximo

A seleção portuguesa entrou em campo nos dias 5 e 8 de setembro para a primeira dupla jornada da Liga das Nações. Inserida no grupo 3 da Liga A, Portugal não tinha muita margem de erro, uma vez que o apuramento é curto e qualquer desperdício pode custar a qualificação para a fase final de uma prova que já venceu.

Nesta dupla jornada, os adversários foram, em teoria, os mais acessíveis do grupo. Na prática, tudo isso se confirmou. Foram dois jogos em que Portugal chegou com naturalidade à vantagem e a conservou até ao apito final, mas que exigiu muito engenho e arte. Dois jogos, seis pontos; feito igualado apenas pela França, do mesmo grupo, e pela Bélgica, do grupo 2.

Neste top, reuni os cinco jogadores em destaque nesta dupla jornada e que mais contribuiram para um desfecho tão positivo. Conta, claro está, com o “papa-recordes” e duas novidades, na baliza e no ataque.

Anterior1 de 6Próximo

Comentários