Anúncio Publicitário

Cabeçalho modalidadesO Sporting CP defrontou (18-11-2017), na Ucrânia, o HC Motor, num jogo em que o único resultado que importava era a vitória, já que qualquer outro resultado retirava a equipa portuguesa da luta pela passagem à próxima fase.

Os leões até foram os primeiros a marcar e entraram bem em campo, mantendo o equilíbrio na partida. Apesar disso, por volta dos sete minutos a equipa da casa conseguia pela primeira vez uma vantagem de dois golos (6-4). A equipa de Hugo Canela não se deixou ir abaixo e manteve o seu nível, empatando a partida a seis e assumindo o controlo da mesma por volta dos 15 minutos (7-10). Chegados aos dez minutos finais o Sporting ainda mantinha a vantagem (9-12), muito por culpa da boa exibição protagonizada por Pedro Portela. A equipa da casa reduziu e aproveitou algumas desvantagens numéricas do Sporting para se aproximar até à diferença mínima, mas a equipa portuguesa saiu para o intervalo a vencer 14-15. Este resultado mantinha as aspirações dos verdes e brancos em passar à fase seguinte vivas.

Os quatro golos de Nikcevic foram insuficientes para impedir a derrota Fonte: Ricardo Rosado - Fotografia
Os quatro golos de Nikcevic foram insuficientes para impedir a derrota
Fonte: Ricardo Rosado – Fotografia

Na primeira metade da segunda parte, a equipa ucraniana este fortíssima, vencendo 23-19 aos 43 minutos, deixando o Sporting marcar por apenas quatro vezes. Os leões ainda conseguiram reduzir a desvantagem, mas já não se conseguiram aproximar o suficiente para dar a volta ao marcador. Na parte decisiva do jogo, a equipa portuguesa não conseguiu encontrar soluções no ataque e o jogo terminou 32-29.

Anúncio Publicitário
Anúncio Publicitário