Anterior1 de 3Próximo

Em jogo a contar para a qualificação do campeonato da Europa de andebol, a seleção das quinas levou de vencida a anfitriã Roménia por uns (19-24) – jogo que teve inicio às 16 horas no pavilhão do Dínamo de Bucareste.
A jogar fora de portas, a seleção nacional, entrou algo atípica no encontro, tendo-se assistido a inúmeras precipitações, desde remates falhados, a perdas bolas e desacertos defensivos.

Até à passagem do minuto 20 os lusos vinham procurando encurtar a desvantagem que se instalara logo nos minutos iniciais, e, só após um “time-out” colocado pelo técnico português, a seleção mostrou ser capaz de contrariar os argumentos da seleção romena. Atente-se, que o desconto de tempo surtiu efeitos imediatos, isto porque os romenos estiveram quase oito minutos sem agitar as redes da baliza de Alfredo Quintana, e, por conseguinte, os pupilos de Paulo Pereira, reduziram a desvantagem no mercador, indo para intervalo a perder pela diferença mínima (12-11).

Já na segunda metade, Portugal voltou a entrar a “meio gás”, mas contrariamente àquilo que sucedera no primeiro tempo, corrigiu algumas lacunas no eixo defensivo, o que originou múltiplas transições ofensivas, convertidas em variadíssimos golos. Assim, desde o minuto 40 até ao final, Portugal assumiu o comando do marcador e bateu a seleção da casa por (19-24).

Portugueses de volta ao Euro
Fonte: FAP

Posto isto, a seleção portuguesa está de regresso a uma fase final de um campeonato da europa – algo que fugia a Portugal desde 2006.

Destaque ainda para o facto da competição, a realizar-se já no próximo ano, decorrer em três países distintos. São estes: Áustria, Noruega e Suécia.

EQUIPAS 

Roménia: Iancu Ciprian; Manescu Bodgan; Simicu Viorel (6); Rotaru Ionut (2); Grigoras Cosmin (2); Popescu Catálin; Becheru Mihai; Buior Gabriel (1); Csog Vencel; Rata Catálin (4); Buzle Losif (1); Cabut Mihai (1); Fotoche Viorel (1); Dimitriu Gabriel; Mocanu Valentim; Thalmaier Roland (1).

Portugal: Alfredo Quintana; Belone Moreira (1); Pedro Portela (7); Gilberto Duarte (3); Carlos Martins; Diogo Branquinho (4) ; Pedro Seabra (2); Tiago Rocha; Miguel Martins (1); Humberto Gomes; André Gomes (2); Sérgio Barros; Fábio Magalhães (2); Luis Frade; Daymaro Salina; Alexis Borges (2).

Anterior1 de 3Próximo

Comentários