Cabeçalho modalidadesA meio da fase de grupos da EHF Cup, encontro a altura perfeita para analisar o que têm feito e o que poderão fazer as duas equipas portuguesas em prova. É importante relembrar que o FC Porto se encontra em primeiro lugar no Andebol 1 e o SL Benfica mais a baixo, no terceiro lugar, com poucas hipóteses de chegar ao título. No entanto, a nível europeu o contexto é outro. Ambas as equipas ultrapassaram as fases de qualificação e chegaram com esperança à fase de grupos da EHF Cup. Nesta fase, tiveram sortes diferentes: o FC Porto está num grupo complicado, com o Frisch Goppingen (Alemanha), o HC Midtjylland (Dinamarca) e o Granollers (Espanha), equipas experientes a nível europeu e inseridas em campeonatos muito mais competitivos do que o português.

As dificuldades previstas têm-se confirmado para o FC Porto, tendo apenas uma vitória nos três jogos já realizados e estando em último lugar do grupo. Apesar de tudo, os líderes do campeonato português apresentam hipóteses de passar à fase seguinte, pois todos os jogos vão ser muito equilibrados e o FC Porto apresenta qualidade e experiência suficiente para dar a volta a este momento menos bom, como demonstrou no último jogo ao virar o jogo frente aos espanhóis do Granollers, no Dragão Caixa, vencendo 23-22. As principais armas azuis e brancas neste jogo foram a união (já habitual) que a equipa demonstrou, os nove golos de António Areia e a brilhante exibição do gigante Alfredo Quintana.

fcp andebol
Alfredo Quintana foi gigante… como habitual
Fonte: FC Porto

Já o SL Benfica encontra-se num grupo menos complicado, lutando pelo segundo lugar com o Helvetia Anaitasuna (Espanha) e o Cocks (Finlândia), já que o primeiro lugar parece estar destinado aos alemães do Melsungen. Os lisboetas estão a aproveitar esse facto, tendo perdido apenas o jogo na Alemanha, vencendo o jogo em casa com o Helvetia e indo vencer à Finlândia no sábado, encontrando-se assim no segundo lugar do grupo. Apesar do equilíbrio na primeira parte (11-11), o SL Benfica foi capaz de ganhar e manter vantagem na segunda parte, acabando por vencer 21-23, num jogo onde Alexandre Cavalcanti demonstrou novamente a sua boa forma ao marcar sete golos. Vencendo o próximo jogo na Luz, o SL Benfica coloca-se numa boa posição para passar à próxima fase!

Foto de capa: Sport Lisboa e Benfica – Modalidades

Artigo revisto por: Francisca Carvalho

Comentários