logo-BnR.png

ÚLTIMA HORA:

Sporting CP 26-27 FC Porto: Um hino ao Andebol!

Cabeçalho modalidadesEste foi um jogo que, apesar de ainda faltar uma fase complementar a ser jogada, pode ter sido decisivo para a definição do Campeão Nacional de Andebol 2016/2017. As equipas encontravam-se separadas por quatro pontos, no início do jogo, e vinham de duas vitórias muitos difíceis (Madeira SAD 34 – Sporting CP 35 e FC Porto 32- ABC 30).

O jogo começou com um ritmo muito alto, nos primeiros 10 minutos, aproveitando o Sporting CP para efetuar ataques rápidos, surpreendendo a defesa do FC Porto. Durante os primeiros 20 minutos, os “Dragões” procuraram muito os ataques aos seis metros e os passes para o pivot Alexis Borges, enquanto o Sporting CP tentava resolver da segunda linha. Nesta altura, o treinador dos “Leões”, Javier Azanza tomou uma boa decisão e trocou Aljosa Cudic por Matej Asanin, uma decisão que se mostrou decisiva no desenrolar do jogo. A equipa da casa esteve em vantagem até ao minuto 18, onde o FC Porto deu a volta ao marcador.

Com a entrada de Asanin, o brasileiro Gustavo Rodrigues começou a assumir dos nove metros, pois os atletas do FC Porto começaram a ter mais dificuldades a finalizar nos 6 metros e porque o Sporting começou a acertar nas marcações, deixando assim mais espaço para a segunda linha. Já no ataque, os “verdes e brancos” foram mais eficazes. A primeira parte terminou 15-15, um resultado que refletiu o equilíbrio. O Sporting esteve um pouco melhor, mas o central Migue Martins e o guarda-redes Alfredo Quintana ajudaram os visitantes a recuperar. Nos primeiros 30 minutos, houve um jogo de andebol fantástico, com boas exibições dos guarda-redes e com pormenores deliciosos em vários momentos.

Zupo bem tentou mudar o rumo do jogo, mas a equipa perdeu-se nos últimos 10 minutos Fonte: Sporting CP
Zupo bem tentou mudar o rumo do jogo, mas a equipa perdeu-se nos últimos 10 minutos
Fonte: Sporting CP

Na segunda parte Asanin e Quintana entraram muito bem, demonstrando a qualidade a que já nos habituaram. Tal como na primeira parte, os da casa entraram mais fortes, com Frankis Carol e Bozovic em grande forma. Aos oito minutos, havia um parcial de 5-0 para o Sporting CP, com grande apoio dos seus adeptos. Para tentar corrigir alguns erros, aos 45 minutos, Ricardo Costa pediu time-out. A principal mudança foi a do setor defensivo, para um tipo de 4×2 com marcação individual sobre Ruesga e Carol, com o resultado em 23-19. Na altura resultados práticos, sendo que aos 49 minutos o resultado era 26-19. E se neste momento lhe dissesse que este tinha sido o último golo do Sporting no jogo? Talvez não acredite… Mas a verdade é essa!

A mudança defensiva de Ricardo Costa, o desacerto ofensivo do Sporting CP, os postes e Hugo Laurentino fizeram com que os últimos dez minutos do jogo fossem um verdadeiro inferno para os sportinguistas. Em três minutos, o FC Porto fez o mesmo que o Sporting nos oito minutos iniciais, um parcial de 0-5, deixando o resultado em 26-24. Passado três minutos, o inevitável sucedeu: o FC Porto passou para a frente do marcador. Em seis minutos, tudo mudou! Nos últimos segundos, Pedro Portela teve uma oportunidade fantástica de empatar a partida, mas atirou por cima da barra. Com o jogo de hoje, o FC Porto está em primeiro lugar com 30 vitórias em… 30 jogos!

José Carrilo, ponta esquerdo do FC Porto, foi o melhor marcador, com 11 golos!

Foto de Capa: FC Porto

Artigo revisto por: Francisca Carvalho

 

Há mais de dez anos a virar frangos nas balizas do Andebol, adepto ferrenho do Benfica e alentejano. O Andebol é com ele.                                                                                                                                                 O Pedro escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.

Há mais de dez anos a virar frangos nas balizas do Andebol, adepto ferrenho do Benfica e alentejano. O Andebol é com ele.                                                                                                                                                 O Pedro escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.

[my_elementor_post_nav_output]

FC PORTO vs CD TONDELA