Anterior1 de 3Próximo

A três jornadas do fim da fase de grupos da Velux Champions League, o Sporting CP recebeu e venceu o Chekhovskie Medvedi, da Rússia, no Pavilhão João Rocha, num jogo de extrema importância para a continuidade dos leões na prova. A equipa portuguesa ganhou por 33-31 e continua com excelentes hipóteses de seguir em frente na competição, onde ocupa agora o 1º lugar do grupo C, com 13 pontos e um jogo a mais do que o 2º classificado, Bjerringbro-Silkeborg.  O Sporting, até este encontro, somava duas derrotas em três jogos em casa na Liga dos Campeões.

Os russos entraram melhor no jogo e, por volta dos 10 minutos de jogo venciam por 3-6. A equipa ia conseguindo impor um jogo muito físico e surpreender os leões com uma defesa 5×1. A equipa do Sporting ainda acordou a tempo na primeira parte e aos 20 minuto já tinha o jogo empatado 10-10. Grande recuperação do conjunto leonino que estava a passar momentos difíceis no jogo – os verde e branco eram castigados pela fraca eficácia ofensiva e pelo excesso de falhas técnicas.

Mesmo assim, o Sporting conseguiu passar para a frente do encontro aos 27 minutos e chegar ao intervalo com uma diferença de dois golos (14-12). Skok brilhava na baliza dos bicampeões nacionais. Frankis Carol, com 4 golos, ia sendo decisivo no resultado.

Os leões somaram mais uma vitória na Velux Champions League e continuam a excelente campanha na prova
Fonte: Sporting CP

A segunda parte começou com o mesmo equilíbrio. As duas equipas a mostrarem uma enorme vontade de vencer, com os guarda redes a fazerem exibições de gala. O Sporting aos 10 minutos da segunda metade já ganhava por 21-17. Carlos Ruesga marcou um golo que certamente estará presente nos melhores tentos da jornada – um remate em rotação de 360º que acabou no fundo da baliza dos russos.

Anúncio Publicitário

A partir dos 15 minutos, os leões tornaram-se mais passivos e permitiram o empate dos russos a 10 minutos do fim (26-26). Jogo muito complicado para o Sporting que, a três minutos do fim tinha o jogo empatado 30-30. Nestes últimos minutos, os verde e brancos conseguiram descolar dos russos, com dois golos decisivos de Luis Frade. Edmilson Araujo e Carlos Ruesga fecharam o resultado, que terminou 33-31.

Grande jogo de andebol com Frankis Carol, Carlos Ruesga, Pedro Valdés e Matevz Skok em evidência na equipa portuguesa.

O Sporting fica a depender de si mesmo e pode terminar em 1º lugar do grupo. Falta receber o Besiktas Mogaz, da Turquia, e ir à Dinamarca defrontar o Bjerringbro-Silkeborg, que já venceu os leões na visita a Lisboa, e que se encontra na 2ª posição do grupo C, com 12 pontos e menos um jogo. Duas autênticas finais para a equipa do Sporting.

EQUIPAS INICIAIS:

Sporting: Skok, Chiuffa, Ruesga, Carol, Araújo, Nikcevic, Rocha

Chekhovskie Medvevi: Pavlenko, Ostashchenko, Andreev, Santalov, Kotov, Kornev

Anterior1 de 3Próximo

Comentários