Cabeçalho modalidades

As contas de hoje eram bem fáceis. Se o FC Porto ganhasse o clássico na Luz seria Campeão Nacional. Se empatasse manteria a liderança, mas teria de esperar pela última jornada para festejar o título. Se perdesse perderia a liderança para o Sporting CP, que havia empatado 30-30 na Madeira.

Excetuando os instantes iniciais, onde a equipa visitante entrou mais forte, o SL Benfica esteve sempre na frente do marcador e impediu que o FC Porto impusesse o seu ritmo de jogo mais confortável para a turma de Ricardo Costa. A equipa azul e branca ainda conseguiu fazer o empate a nove golos, mas a equipa da casa apresentou uma grande eficácia ofensiva (algo muito pouco visto esta época) e saiu para o intervalo a vencer 16-14.

O FC Porto voltou para a partida com vontade de anular a desvantagem no marcador. A meio da segunda parte igualou a partida, mas nunca conseguiu assumir a liderança do marcador, tendo obtido sucessivos empates até ao final da partida, quando Tiago Pereira marcou vigésimo oitavo golo das águias fechando o resultado em 28-27.

Uellington Silva (Benfica) e Alexis Borges (Porto) foram os melhores marcadores da partida, com seis golos cada.

Com este resultado o Sporting CP assume a liderança do campeonato, dependendo só de si para vencer o título. O SL Benfica pode estragar duas festas do título em duas semanas se no próximo fim-de-semana vencer o Sporting CP. O FC Porto fica assim a depender de terceiros para a reconquista do Campeonato.

Foto de Capa: SL Benfica

Comentários