Kobe Bryant ou os Warriors?

    - Advertisement -

    Recentemente, Kobe Bryant foi entrevistado pelo apresentador Mike Greenberg no programa televisivo Get Up! da ESPN. Na entrevista são feitas várias questões deveras interessantes tais como:

    Quais as expectativas que tinha para os seus Lakers esta temporada, com a chegada de Lebron, e qual acha que foi a principal causa para a fraca temporada da equipa; Que conselho daria a LeBron, tendo sido a cara da franquia durante tantos anos; Qual a importância que dá a todos os debates acerca de quem é o melhor jogador de todos os tempos; Quem acha que ganharia, numa série de sete jogos, a sua equipa dos Lakers com Shaquille O’Neal ou a atual equipa dos Warriors, entre outras.

    Kobe Bryant disse que a equipa sofreu muitas lesões sucessivas durante a época, e que, quando estavam saudáveis, conseguiram exceder as expectativas das pessoas. De facto, não poderia estar mais de acordo com esta afirmação! A equipa antes de LeBron se lesionar estava em quarto lugar na conferência.

    A antiga estrela de Los Angeles aconselhou LeBron James a continuar a esforçar-se, continuar a lutar porque são épocas como estas que fazem os campeonatos valerem a pena.

    De seguida, quando questionado acerca da importância que dá aos debates sobre quem é o G.O.A.T, revela que, simplesmente, não quer saber. “Eu segui em frente. Eu tive uma carreira, dei o melhor que podia, e nos meus 20 anos de carreira fui muito feliz por jogar. E depois disso acabou. Segues em frente para a próxima etapa da tua vida

    Serão estes dois uma das melhores duplas de sempre?
    Fonte: NBA

    Em relação à questão de quem ganharia uma série de sete jogos, os atuais Warriors ou os Lakers de Kobe e Shaq, Kobe Bryant respondeu que: “Nós ganharíamos”. E mais à frente refere que “É mesmo difícil dizer quem ganharia, mas eu gosto das nossas chances!”.

    Bem, eu diria que seria um jogo renhido, em que quem conseguisse impôr o seu estilo de jogo teria uma enorme vantagem. Os Lakers eram muito fortes com Kobe, que é um dos melhores de todos os tempos, e com Shaquille O’Neal, para mim o melhor poste de sempre.

    Shaq era um poste muito forte e pesado e, incrivelmente, tinha a facilidade de correr a quadra como um base. E não esquecer que estamos a falar de um senhor com quatro títulos de campeão e três prémios de FMVP.

    Por outro lado, os Warriors com três fortes atiradores, Kevin Durant, Klay Thompson e Stephen Curry, são uma equipa muito difícil de defender. Curry, o melhor atirador de todos os tempos, Klay Thompson certamente no top cinco e Kevin Durant, não tão bom, mas um atirador bastante confiável.

    Por esta razão, os Warriors são uma equipa que eu considero mais perigosa (para mim a melhor equipa de sempre, lado a lado com os Bulls de 96) e com maior capacidade para desequilibrar e virar um jogo.

    Foto de Capa: NBA

    - Advertisement -
    spot_img

    Subscreve!

    Artigos Populares

    Volte-face nas negociações por Nicolò Zaniolo

    O jogador italiano Nicolò Zaniolo está agora mais perto...

    Promessa belga oficializada no Dortmund

    O BVB Dortmund anunciou a contratação do jovem prodígio...

    O alvo de Mourinho para reforçar a defesa da AS Roma

    Com a saída de Karsdorp cada vez mais iminente,...

    FC Barcelona apresenta o seu quarto equipamento para 2022/23

    O FC Barcelona apresentou mais uma «pele» para a...
    José Alberto Machado
    José Alberto Machadohttp://mariooliveira
    Apaixonado por jornalismo, por futebol e cheio de vontade desta fusão a sua vida. Licenciado em Ciências da Comunicação: Jornalismo, Assessoria e Multimédia, não passa um dia sem folhear jornais. Passou ao lado de uma péssima carreira de jogador de futebol, mas está à procura do seu espaço no jornalismo desportivo português. De caneta ou teclado em punho, tem dois objetivos quando escreve um artigo: que ninguém perceba qual o clube do seu coração e que, mesmo quem não goste de futebol, goste de ler o artigo..                                                                                                                                                 O José escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.
    Bola na Rede