Anúncio Publicitário

Na partida de abertura da ronda três da Primeira Divisão de Futebol 11 do CUL 18/19, a AEISEG venceu a AEFCM por 3-1. Frente a frente, estavam duas equipas que tinham vencido na ronda anterior – os “Economistas e Gestores de Santos” venceram por 0-4 a equipa da Fac. de Direito, ao passo que a formação dos “Médicos da Nova” bateu pela margem mínima o conjunto do Instituto de Agronomia – e ambas pretendiam somar mais três pontos e manter-se nos lugares cimeiros da classificação.

A equipa da FCM entrou melhor na partida, a controlar a posse de bola e a tentar visar desde logo a baliza adversária, sendo que até podia ter chegado ao golo logo ao minuto 7 por Zé, que recebeu um excelente passe em desmarcação, mas frente a frente com o guarda-redes Pipo, não foi capaz de marcar.

Apesar da forte pressão inicial sofrida, o ISEG conseguiu estabilizar o seu jogo e começou a disputar a posse de bola na zona do meio-campo, tentando aproveitar a sua boa dinâmica ofensiva para chegar à vantagem no marcador – ao minuto 22, Afonso esteve muito perto de marcar, na sequência de um pontapé de canto, com o seu cabeceamento a rasar a barra.

Anúncio Publicitário

Os “Médicos da Nova” estavam agora a ter mais dificuldades em sair para o ataque, mas até se adiantaram primeiro no marcador: ao minuto 27, Carvalho, num bom trabalho individual, deu a vantagem à sua equipa, através de um remate em arco. Logo a seguir, os “Economistas e Gestores de Santos” repuseram a igualdade: Alvega, após cruzamento de Torrão, rematou e fez o 1-1, sem grandes de hipóteses de defesa para Margaço.

O ISEG voltaria a marcar ao minuto 33: numa bela jogada coletiva, Alvega cruzou e Afonso apenas teve de encostar para confirmar a reviravolta no marcador. Até ao intervalo, o conjunto iseguiano ainda colecionou algumas oportunidades para marcar mais golos, mas o marcador manteve-se inalterado e o ISEG foi para o descanso em vantagem.

Os recém-promovidos ISEG e FCM protagonizaram um belo jogo
Fonte: ADESL/ Bola na Rede

No início do segundo tempo, o ISEG entrou melhor que na primeira parte e obrigou Margaço a fazer duas boas defesas para manter a sua equipa a um golo de diferença. A FCM continuava a ter dificuldades em sair para o ataque com a bola controlada, uma imagem de marca desta equipa de futuros médico.

O conjunto comandado por Bernardo Reis não ia dando grande espaço de manobra aos pupilos à ordem de Tiago Moreira, mostrando uma enorme solidez defensiva e com poucos toques conseguia levar perigo até à baliza de Margaço, embora o terceiro golo teimava em não aparecer para a AEISEG.

Só nos últimos 10 minutos do jogo, é que surgiu o “golo do descanso” para o ISEG:  Jorge Faria, que tinha acabado de substituir o capitão Bruno Soares, fez o 3-1 na sequência de um pontapé de canto e praticamente sentenciou as dúvidas em relação ao vencedor do encontro, tornando ainda mais complicada a tarefa aos estudantes da FCM em chegar ao empate.

A equipa da Fac. de Ciências Médicas ficou ainda reduzida a dez elementos: Ricardo Guimarães recebeu ordem de expulsão, após ver o segundo amarelo. Pouco tempo depois, o árbitro dava por terminada uma boa partida do campeonato universitário lisboeta. Com este resultado, os “Economistas e Gestores de Santos” somam o seu segundo triunfo na prova e mantêm-se nos lugares cimeiros da classificação.

Onzes iniciais:

AEISEG: Filipe Oliveira (Leonardo Ferreira), Miguel, Guilherme (Luís Vicente), Henrique Vieira, Bruno Soares (C) (Jorge Faria), Vasco Caçoila, João Filipe, André Alvega (Luís Todo Bom), Bernardo Varela, Afonso Jesus, Gonçalo Torrão (João Pedro Melo)

AEFCM: Rúben Margaço, Ricardo Guimarães, André Guerreiro (Gonçalo Guia), Pedro Moules, João Caldeira, Francisco Melo, Diogo Cunha, Bernardo Fernandes (Daniel da Câmara), Nelson Meneses (C), José Costa (Serafim Soares), Gonçalo Carvalho

 

Jogo Completo:

Rescaldo com opinião de Guilherme Costa

Foto de Capa: ADESL

 

Anúncio Publicitário