SITE TEMPORÁRIO

20 de Janeiro, 2022

MMA – Lutador do Ano 2019

A ESCOLHA

Fonte: UFC

A minha escolha é Jorge Masvidal.

Estive indeciso entre Masvidal e Adesanya, mas depois da vitória sobre Nate Diaz, não tive qualquer dúvida. Masvidal era um bom lutador, mas normal. Vencia alguns, perdia alguns, mas nunca houve muito mediatismo em torno dele. A verdade é que, desde que regressou contra Darren Till, tudo mudou. Como atleta, está mais explosivo, com uma técnica melhor, e o único objetivo é procurar o KO. Depois, tem aquela personalidade “gangster”, descontraído, que não entra em brincadeiras e quando é para lutar, é para lutar. Fala bem ao microfone, ganhou muita popularidade com as coisas que diz e isso hoje em dia é muito importante.

Um lutador que se saiba promover assim, e que conquiste os fãs com a sua personalidade, consegue estar presente nos maiores eventos e fazer a maior quantidade de dinheiro possível. E a verdade é que o UFC não costuma fazer eventos cujo combate principal não é por um título. Mas para Masvidal (e Nate Diaz) foi criado um título especial para o evento. Para além disto, lutou três vezes num ano! Para um atleta de desportos de combate, que tem de lidar com lesões, danos cerebrais e suspensões das comissões, é de louvar que Masvidal tenha conseguido competir tantas vezes.

Masvidal está agora no topo do UFC, e é uma das maiores estrelas da promoção. Já se fala num combate pelo título de peso meio-médio, e também um combate com Conor McGregor. Se 2020 for tão bom como 2019, Masvidal será, certamente, um dos nomes mais falados dos desportos de combate em todo o mundo.

Foto De Capa: UFC

Revisto por: Jorge Neves