Esta é a história que aconteceu, agora fazemos a pergunta: E se António Félix da Costa tivesse sido chamado para a Toro Rosso na vez de Kvyat?

Hoje, na DS Techeetah, Félix da Costa está a mostrar que consegue bater Jean-Éric Vergne, porém, em 2014, provavelmente seria diferente. Vergne já tinha experiência na Fórmula 1, e António fazia o seu primeiro ano, por isso, tal como Kvyat, provavelmente não iria bater o seu colega de equipa, tal como o russo.

Em 2015, porque a relação da Red Bull com Vergne não era a melhor, o mais provável é que fosse António Félix da Costa a ser chamado para a equipa principal em vez do francês, e teríamos uma parceria entre Daniel Ricciardo, e António Félix da Costa na equipa principal da Red Bull.

O que vem a seguir é o mais complicado, porque foi quando a carreira de Kvyat descambou, e é impossível saber se o mesmo acontecia com o português, mas vamos tentar. Félix da Costa, tal como Kvyat, é um piloto com uma condução muito agressiva, cheia de ultrapassagens fantásticas, estilo já muito associado à Red Bull, porém, há uma diferença significativa, Kvyat era, por vezes, muito errático, característica que fez Vettel dar-lhe o apelido de “Torpedo”, por causa dos vários acidentes que causava com as suas tentativas de ultrapassagem.

Após o fim do sonho da Formula 1, seguiu-se a DTM e a Formula E
Fonte: Red Bull

Como António Félix da Costa era um piloto mais ponderado e mais experiente, os erros de Kvyat provavelmente não aconteceriam, mas há um outro fator de extrema importância, que se chama Max Verstappen. Os erros de Kvyat em 2016 foram graves, mas não foram de uma grande quantidade, os acidentes com Vettel na China e na Rússia foram os maiores, mas não significavam uma despromoção, porém, estamos a falar de Helmut Marko, que se vê que já não gosta de um piloto ou se este não o atrai financeiramente, trata de o mandar dali para fora. E foi isso que aconteceu, Kvyat foi mandado para a Toro Rosso, e em vez de lidar bem com isso como Gasly em 2019, por exemplo, o piloto russo caiu numa espiral negativa, enquanto que o mundo se encantava com Max Verstappen, que apesar de um talento imensurável, nos primeiros anos cometeu bem mais erros do que Kvyat.

Comentários