Cabeçalho modalidadesSebastian Vettel e Kimi Raikkonen asseguraram os dois primeiros lugares da grelha de partida do GP deste fim-de-semana, respectivamente. Os pilotos da Ferrari confirmaram o favoritismo e relegaram os Mercedes para a segunda linha do grid. A pista de Hungaroring não facilita as ultrapassagens e ficou bem claro que os “flechas de prata” não estão ao nível da scuderia italiana. Vai ser um domingo muito complicado para Lewis Hamilton, que parte de quarto, ainda atrás de Valtteri Bottas.

Max Verstappen, que ainda tentou intrometer-se no meio dos Ferrari na Q1 e na Q2, acabou por garantir o quinto lugar, seguido pelo colega de equipa Daniel Ricciardo. Hulkenberg, que fez uma excelente qualificação e rodou sempre perto dos Red Bull, vai sair de décimo segundo; o piloto da Renault foi penalizado em cinco lugares por ter trocado de caixa de velocidades.

A surpresa da grelha são os McLaren: Alonso e Vandoorne ficaram ambos no top 10 e ainda beneficiaram da penalização de Hulkenberg para saírem de sétimo e oitavo. Logo a seguir, Carlos Sainz e Jolyon Palmer fecham os dez primeiros.

Fonte Facebook Oficial da F1
Fonte Facebook Oficial da F1

Esta qualificação ficou também marcada pela ausência de Felipe Massa, que se sentiu mal e não pôde estar ao volante do Williams. Foi substituído pelo escocês Paul di Resta que, sem treino de pista nem preparação, conseguiu ainda qualificar-se à frente do Sauber de Marcus Ericsson.

O Grande Prémio da Hungria é o último antes das férias de verão e tem partida marcada para este domingo às 13h, hora de Portugal Continental.

Anúncio Publicitário

Foto de Capa: Facebook Oficial de Sebastian Vettel

Artigo revisto por: Beatriz Silva

Comentários