logo-BnR.png

ÚLTIMA HORA:

GP Alemanha: Fabio Quartararo diz «au revoir»!

modalidades cabeçalho

A CORRIDA: O RINGUE TEM UM NOVO DONO!

Tempo da décima prova da temporada da categoria rainha, desta feita em Sachsenring no circuito mais curto e com mais voltas do calendário, num circuito que procurava um vencedor novo após um periodo de domínio demolidor de Marc Márquez, que como se sabe não correrá mais esta temporada devido a estar em recuperação de uma operação ao braço. Com um arranque sólido, Quartararo saiu em primeiro lugar na primeira curva, seguido por Pecco Bagnaia e Aleix Espargaró.

A corrida começou logo quentinha entre Pecco e Quartararo, com ultrapassagens um sobre o outro e pouco tempo depois Johann Zarco faz uma bela ultrapassagem e agarra-se à terceira posição.

Surpreendentemente Francesco Bagnaia que rodava em segundo abandonou a prova após queda no segundo Grande Prémio consecutivo, seguido de outra queda do ex campeão mundial Joan Mir, tendo ambos os pilotos caído na curva número um.

Nem deu tempo para descansar, novamente bandeiras amarelas no setor um e quatro, curva treze com queda do rookie Darryn Binder, irmão de Brad Binder colega de Miguel Oliveira.

Pelo segundo GP seguido e depois daquele acidente arrepiante no GP da Catalunha, Nakagami perdeu o controlo da sua moto e motivou a amostragem de bandeiras amarelas no terceiro setor.

No meio desta azáfama, o campeão do mundo e líder de corrida Fabio Quartararo foi rodando a um ritmo extremamente elevado, numa corrida a solo e não deixando a mínima hipótese para os outros pilotos se aproximarem.

Miguel Oliveira que arrancou de décimo quarto, a vinte e uma voltas do final já tinha recuperado posições, rodando no décimo lugar.

Aleix Espargaró ia tentando se aproximar de Zarco, porém o ritmo do francês estava a um nível alucinante, em competição com o compatriota que rodava na primeira posição.

Jack Miller que vinha de más prestações ia fazendo uma corrida sólida, rodando na quinta posição muito próxima de Maverick Viñales, que não facilitava em nada a vida ao australiano da Ducati, que como já se sabe vai correr no lugar de Miguel Oliveira na equipa de fábrica da KTM, na próxima temporada.

No entanto Viñales começou a perder imensas posições, depois de um problema na moto com o regulador de altura, o que o obrigou a abandonar a corrida.

Pol Espargaró abandonou igualmente a corrida, sendo apenas Stefan Bradl o único piloto da Honda em pista.

Jack Miller foi tentando ultrapassar Aleix Espargaró inúmeras vezes, com aproximações nas curvas, sem sucesso, até que finalmente o australiano consegue realizar a manobra e assumir a terceira posição.

Até ao final da corrida nada se alterou, tendo Quartararo estendido a liderança, seguido por Zarco e fechando o pódio com Jack Miller.

Miguel Oliveira terminou em nono, recuperando cinco posições durante a corrida.

Foto de Capa: MotoGP

O Henrique adora ver futebol, seja o tradicional futebol de 11, futebol de praia, futsal ou até uma simples peladinha entre amadores.

O Henrique adora ver futebol, seja o tradicional futebol de 11, futebol de praia, futsal ou até uma simples peladinha entre amadores.

FC PORTO vs CD TONDELA