Cabeçalho modalidades

Marc Márquez voltou a mostrar porque é o principal candidato. Fantástica corrida do homem que se voltou a distanciar do segundo piloto da classificação geral, Andrea Dovizioso que acabou apenas em 7.º lugar em Aragón. Belo arranque da Ducati de Jorge Lorenzo que o manteve na liderança as 16 voltas iniciais, mas depois apareceu Márquez e Dani Pedrosa, que ficou em 2º lugar e atirou o espanhol da Ducati para o ultimo lugar do pódio.

Gran Premio Movistar Aragón em altas temperaturas Fonte: MotoGP
Gran Premio Movistar Aragón em altas temperaturas
Fonte: MotoGP

Viñales não foi além do 4.º lugar e ainda teve uma luta bastante interessante com o seu companheiro de equipa, a surpresa do dia, o italiano Valentino Rossi.

Surpresa, porque fez hoje 24 dias que Rossi tinha tido um acidente e fraturou a perna direita, tendo sido mesmo dito que poderia eventualmente não correr mais este campeonato, voltou em força e consegue não só acabar a corrida, como ainda ter rodado em 2.º lugar, mas acabou por conseguir ficar em 5.º lugar. É realmente fantástica a recuperação do italiano e disso ninguém tem duvidas.

Provavelmente apenas o piloto espanhol, Dani Pedrosa é que não gostou do seu regresso porque no final da corrida reclamou quando tentou ultrapassar Rossi, porque indica que foi apertado onde não era permitido, algo me diz que ainda vai dar que falar, porque Rossi já respondeu dizendo que se Dani não está feliz para ir correr sozinho, vamos aguardar pela próxima corrida para perceber em que estado estão as coisas.

 #46 Valentino Rossi de volta após 24 dias de partir a perna Fonte: MotoGP
#46 Valentino Rossi de volta após 24 dias de partir a perna
Fonte: MotoGP

Em moto2 apesar de largar do primeiro posto, o português Miguel Oliveira não foi capaz de aguentar os italianos, Morbidelli e Pasini que fizeram uma corrida no extremo até à última volta, e acabou por conseguir um fantástico 3.º lugar que fez inclusive que no ano de estreia, subisse na geral ao 3.º posto também com 157 pontos, mais 2 que Alex Márquez. Já o 2.º da geral pertence a Luthi, que acabou Aragon em 4.º, com 227 pontos e Morbidelli é cada vez mais líder com 248 pontos.

Foto de Capa: MotoGP

Comentários