Primeiro dia do rali dos Açores e já alguns percalços para concorrentes do Campeonato de Portugal de Ralis. Miguel Barbosa desistiu logo na primeira especial do dia, a Coroa da Mata, com um problema mecânico. Ricardo Teodósio também encontrou dificuldades após um toque na primeira especial, que afetou a roda traseira do lado direito. Nas contas do CPR, Ricardo Moura lidera a classificação, com 2 vitórias em 3 especiais neste primeiro dia. Bruno Magalhães, o único representante do Team Hyundai Portugal, está no segundo lugar. Ricardo Teodósio segue no terceiro lugar. 

Ricardo Teodósio sempre espetacular, acabou por bater e ter problemas no Skoda Fabia R5
Fonte: David Pacheco/Bola Na Rede

No Campeonato dos Açores de Ralis, a luta entre Bernardo Sousa e o campeão regional, Luís Miguel Rego, está muito interessante. Sabemos que Ricardo Moura lidera, mas os dois lugares restantes estão apenas separados por cerca de 17 segundos. 

Na frente da geral e do campeonato FIA ERC segue o imbatível “russian rocket”, Alexey Lukyanuk. O russo não deu hipóteses a ninguém e venceu todas as especiais do dia, mostrando estar mais que adaptado à máquina nova que tripula, o Citroen C3 R5. 

Em estreia na categoria ERC3 está Pedro Antunes, em Peugeot 208 R2. O piloto português encontra-se na frente de Sindre Furuseth. Na terceira posição desta categoria segue o espanhol Efrén Llarena.

Pedro Antunes na sua primeira prova do ERC3 lidera ao fim do primeiro dia
Fonte: David Pacheco/Bola na Rede

O segundo dia de prova traz-nos a mítica especial das Sete Cidades, a nova especial da Vista do Rei/Feteiras e a renovada Pico da Pedra. 

Foto de Capa: David Pacheco/Bola na Rede

Artigo revisto por: Rita Asseiceiro

Comentários