Football Manager 2021 | 6 desafios para a tua Quadra Natalícia

    Imagina o seguinte cenário: véspera da noite de Natal. Família reunida na sala, enfartados com a ceia, a discutir futebol e política já com três copos de vinho e um digestivo no sistema. Se tivessem que escolher entre participar na discussão regada ou refugiarem-se no quarto a jogar Football Manager 2021, começariam um save com quem?

    Apresentamos seis desafios aos nossos leitores, com o objetivo de ser campeão, catalogados nas seguintes dificuldades: Muito Fácil, Fácil, Normal, Difícil e Muito Difícil com uma ronda bónus para quem gosta de gerir o destino de um clube na mó de baixo.

     

    1. FC Barcelona – Muito Fácil

    Football Manager 2021

    Orçamento Inicial: 10 milhões de euros para transferências

    Desafio Football Manager 2021: Campeão

    Sugestão de reforço: Ponta de Lança

    O Barcelona passa neste momento por uma fase conturbada e de restruturação. Com várias contratações multimilionárias falhadas, órfã de um Ponta de Lança de classe mundial com a saída hedionda de Luís Suárez mas ainda assim dotada de enorme potencial com jovens como Dest, Fati, de Jong ou Trincão, este desafio será o mais fácil.

    Jogador Chave: Leo Messi

    Football Manager 2021

    - Advertisement -

    Subscreve!

    Artigos Populares

    Mais uma baixa importante no Liverpool

    Mais uma lesão confirmada no Liverpool. Jurgen Klopp confirma...

    Santos confirma contratação de Gabriel Brazão para a baliza

    Gabriel Brazão confirmado oficialmente como reforço do Santos. O...

    Adidas vai fazer regressar a bola do Euro 2004

    A Adidas vai trazer de volta a bola utilizada...

    Já há árbitro para o Sporting x Benfica, jogo de Taça de Portugal

    Fábio Veríssimo é o eleito para arbitrar o Sporting...
    Ricardo Lopes Almeida
    Ricardo Lopes Almeidahttp://www.bolanarede.pt
    Benfiquista, amante da Premier League e entusiasta por videojogos, o Ricardo tem como maior vício o Football Manager.                                                                                                                                                 O Ricardo não escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.