Já se disputaram 25 jornadas do principal escalão do futsal português, o que significa que apenas falta jogar uma ronda. Por norma, a luta pelos oito primeiros lugares disputa-se até ao último jogo mas este ano a situação foi um pouco diferente, uma vez que já conhecemos os oito apurados para o play-off. No entanto, existem vários pontos de interesse nesta derradeira jornada, seja na acesa disputa por um melhor lugar na fase seguinte, ou na luta desesperada para evitar a despromoção imediata.

Os verde e brancos ainda têm hipóteses matemáticas de terminar em primeiro lugar a fase regular
Fonte: Sporting CP

A “briga” pelo primeiro lugar nesta fase regular ainda não está encerrada, dada a diferença de dois pontos entre SL Benfica e Sporting CP, mas sobretudo pela difícil deslocação que espera o atual líder do campeonato, ou seja, uma visita ao Minho para enfrentar o sempre difícil conjunto do SC Braga/AAUM.

A equipa leonina tem um jogo teoricamente menos exigente, no campo do já despromovido Rio Ave, mas o perigo da perda de pontos está sempre à espreita. Não é expectável que a situação se altere mas ainda é matematicamente possível, pelo que teria que assinalar aqui esta situação. O terceiro lugar já está definido, e foi a equipa de Sandim, o MODICUS, a garantir o último lugar do pódio.

A luta pelo quarto lugar está animada e promete emoção até ao fim, com a AD Fundão, Leões de Porto Salvo e SC Braga a terem hipóteses de chegar ao fim do campeonato no quarto posto. A tarefa dos guerreiros do Minho não se antevê nada fácil, como já referi anteriormente, sendo que o Fundão “apenas” precisa de ganhar na receção ao FC Unidos Pinheirense para selar o seu quarto lugar na fase regular, ao passo que os Leões precisam de vencer o seu jogo em casa com a Quinta dos Lombos e esperar pela derrota dos beirões para poderem chegar ao quarto posto.

As contas dos bracarenses são um pouco mais complexas: precisam de vencer o Benfica e esperar pela derrota da Desportiva do Fundão e por um deslize da turma de Porto Salvo. Na luta pelo sétimo lugar temos o CRC Quinta dos Lombos (sétimo) e o Elétrico FC de Ponte de Sor (oitavo). Os lisboetas apenas dependem de si para manter a sua posição na tabela, no entanto tem uma deslocação teoricamente complicada e exigente a Porto Salvo. Os alentejanos recebem o já descansado MODICUS, algo que pode jogar a seu favor, no entanto necessitam de uma pequena ajuda dos Leões na última jornada.

Finalmente, a luta pela manutenção no principal escalão, que se resume a FC Unidos Pinheirense (12.º) e a Viseu 2001 (13.º). Dois pontos separam os dois emblemas com vantagem no confronto direto para o Pinheirense, pelo que apenas um triunfo dos viseenses na receção a um tranquilo CF “os Belenenses” conjugada com uma derrota dos gondomarenses na visita ao Fundão poderá evitar a despromoção dos comandados de Paulo Fernandes. Existem muitos pontos de interesse nesta última jornada pelo que vale a pena acompanhar esta última jornada bem de perto e com atenção. 

Foto de Capa: Viseu 2001 Futsal

Comentários