Cabeçalho modalidadesEu já me tinha debruçado sobre este tema no último artigo de 2017 mas é algo realmente impressionante, que vou complementar com mais alguns dados. De facto, o pleno de vitórias não se verifica somente no campeonato, mas sim em todas as competições oficiais onde o Sporting CP já jogou. Isto é, para além das 16 vitórias no principal escalão, soma-se a vitória na Supertaça e os seis triunfos na UEFA Futsal Cup, o que significa que, tudo somado, equivale a 23 vitórias em outros tantos jogos (sem contar com a Taça de Honra da AF Lisboa, que elevaria a série invicta para 25 jogos consecutivos sempre a vencer).

Para além disso, importa também olharmos para as estatísticas, o que significa que nestes 23 jogos o Leão marcou 113 golos e apenas concedeu 28, algo bem revelador do domínio que o clube verde e branco tem exercido nos encontros que disputou até então. Mesmo assim, apenas nos jogos do campeonato, os pupilos de Nuno Dias não são o conjunto mais concretizador da Liga, pois o conjunto do SL Benfica leva a melhor nesse parâmetro, uma vez que os seus 93 tentos superam os 85 até então conseguidos pelo coletivo sportinguista, algo “compensado” com o estatuto de defesa menos batida nas jornadas já discutidas: com 19 tentos concedidos, o emblema leonino ultrapassa o conjunto encarnado que tem 21.

Rodolfo Fortino está em grande esta temporada: já leva 19 golos apontados, 16 dos quais na primeira divisão, algo que lhe valeu a nomeação para melhor jogador do mundo
 Fonte: Sporting CP
Rodolfo Fortino está em grande esta temporada: já leva 19 golos apontados, 16 dos quais na primeira divisão, algo que lhe valeu a nomeação para melhor jogador do mundo

Fonte: Sporting CP

Além dos 85 golos na primeira divisão, os tentos do Sporting dividem-se pela UFC, onde em seis jogos os leões marcaram 25 e apenas sofreram sete, estando por isso naturalmente na final four da competição. A juntar a esses dados estão os três apontados frente ao rival da cidade de Lisboa na Supertaça contra dois sofridos, que garantiram o primeiro troféu desta nova época 2017/18.

Para complementar esta temporada até então imaculada, faltam disputar as taças, onde o Sporting ainda não jogou mas já conhece a sua sorte em ambas: na Taça da Liga defronta o Unidos Pinheirense nos quartos-de-final, ao passo que na Taça de Portugal mede forças com uma formação da Segunda Divisão, os transmontanos do Carrazedo Montenegro. Como se pode comprovar, o leão ainda tem quatro frentes para discutir até ao encerrar da temporada, significando isso que ainda só garantiu a conquista da Supertaça, de resto ainda nada ganhou, mas caso mantenha esta onda de vitórias, os adeptos leoninos terão muitos motivos para festejar até ao encerrar da época em curso, inclusivamente na competição europeia, algo há muito ansiado no seio da corte leonina.

Comentários