A CRÓNICA: ERROS DEFENSIVOS MINARAM HIPÓTESES VISEENSES 

O jogo começou de maneira recorrente neste tipo de encontros, com uns primeiros minutos de estudo mútuo. Embora existisse um ascendente para o lado do SL Benfica, que se revelava mais rematador e mandão, havia também um Viseu 2001 mais na expetativa e sempre à procura de um contra-ataque rápido para criar mais pressão junto da baliza de Diego Roncaglio.

Entre as oportunidades criadas pelos encarnados, claro destaque para um remate fortíssimo de Robinho, que acertou com estrondo na barra e que bateu claramente na parte de fora da baliza. Foi o único destaque deste primeiro quarto da partida.

O golo inaugural surgiu, pouco depois, num momento de grande infelicidade de Matheusinho a desviar para a sua própria baliza, após cruzamento de Rafael Hemni. A defesa Viseense acusou muito o tento sofrido, começando a acumular erros graves que permitiram ao SL Benfica aumentar confortavelmente a marcha do marcador.

Graças a estes erros já mencionados, Jacaré bisou e aumentou a vantagem para três golos sem resposta. Aos 15 minutos, um dos golos da noite. Um míssil de Arthur, a entrar no canto superior da baliza de João Silva e a aumentar o fosso no marcador. O Viseu 2001 também criou algum perigo junto da baliza benfiquista, mas Diego Roncaglio respondeu sempre com eficácia às investidas do adversário.

Anúncio Publicitário

O intervalo chegou com uma clara evidência: o SL Benfica foi indiscutivelmente mais forte e dominante. Os encarnados claramente ampliaram a vantagem muito devido aos erros primários do seu oponente, afetados, quiçá, pelo autogolo do seu jogador e pelo embate psicológico que adveio dessa incidência.

O jogo foi especial para o pivot russo dos lisboetas, Ivan Chishkala, que fez hoje a sua estreia oficial pelas águias e revelou alguns pormenores interessantes.

O segundo tempo começou com um ritmo semelhante ao início do jogo. O SL Benfica esteve ativamente à procura de ampliar o resultado e o Viseu 2001 prosseguiu na procura de um contra-ataque. Consequência desses primeiros minutos, chegou o quinto golo. Uma finalização exímia de Robinho a corresponder na perfeição a um passe de Fits.

Até ao final do encontro, nada mais de relevante sucedeu, tirando uma bola na trave por parte do conjunto orientado por Paulo Ferrnandes, na melhor ocasião do conjunto Viseense. Vitória indiscutível dos lisboetas, graças às veleidades defensivas proporcionadas pelos adversários.

 

A FIGURA

Publicado por Sport Lisboa e Benfica – Modalidades em Sábado, 24 de outubro de 2020

 

Arthur – Num encontro sem grande história, o melhor golo da tarde foi da autoria do recorço do SL Benfica. Grande tiro do jogador brasileiro ao ângulo da baliza de João Silva! Foi um autêntico pontapé no marasmo que foi este jogo.

O FORA DE JOGO

Publicado por Sport Lisboa e Benfica – Modalidades em Sábado, 24 de outubro de 2020

 

Defesa do Viseu 2001 – Grande parte do resultado desnivelado nesta noite foi alcançado não por mérito das águias, mas por claro demérito da equipa do Viseu, incapaz de evitar erros básicos que não se podem cometer quando se pretende discutir um resultado contra uma equipa da valia do SL Benfica.

 

ANÁLISE TÁTICA – SL BENFICA

Como esperado, a equipa do SL Benfica começou mais dominante e à procura da vitória. Não fez um jogo brilhante (longe disso), mas soube aproveitar os erros alheios para construir um resultado confortável.

5 INICIAL E PONTUAÇÕES

Diego Roncaglio (7)

Nilson (6)

Tiago Brito (7)

Rafael Henmi (7)

Jacaré (7)

SUBS UTILIZADOS

André Sousa (-)

Fábio Cecílio (6)

Silvestre Ferreira (-)

Rúben Teixeira (6)

Arthur (8)

Robinho (7)

Ivan Chishkala (7)

Fits (6)

 

ANÁLISE TÁTICA – VISEU 2001

A tática de jogo não foi errada, mas a equipa de Paulo Fernandes cometeu demasiados erros individuais que arruinaram qualquer hipótese de alcançar um resultado positivo nesta noite.

5 INICIAL E PONTUAÇÕES

João Silva (7)

Pedro Peixoto (5)

Russo (6)

Kiko (7)

Rafa Stocker (6)

SUBS UTILIZADOS

Bruno Felipe (6)

Lucas Otanha (6)

Caio Santos (6)

Fábio Neves (6)

Matheusinho (5)

Lucas Amparo (6)

Amândio Ferreira (6)

Daniel Ramos (6)

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comente!
Por favor introduz o teu nome