cab futsal

No passado fim-de-semana, cumpriu-se mais uma jornada da Liga Sport Zone, o principal escalão do futsal português, e desta feita vou destacar um jogo que não envolveu nenhum dos principais candidatos ao título, e que teve honras de transmissão televisiva: o jogo entre Burinhosa e Belenenses/Express Glass. Ao longo dos 40 minutos de jogo ambas as equipas explicaram em campo a razão pela qual a RTP2 decidiu transmitir o jogo em direto. Que grande jogo que foi, com a incerteza a pairar no marcador, e o resultado final acabou por ditar uma divisão de pontos num jogo onde nenhuma das duas equipas presentes em campo merecia perder.

O jogo terminou empatado a dois golos, numa partida extremamente equilibrada e onde a equipa do distrito de Leiria entrou a ganhar, com um golo aos sete minutos, marcado por Marquinhos. Tiago Carvalho empatou aos nove minutos e ainda antes do intervalo, aos 18 minutos, Pimpolho voltou a colocar a Burinhosa na liderança do marcador. Aos 21 minutos, Tiago Carvalho bisou e fechou assim as contas do marcador, numa segunda parte com ligeiro ascendente dos homens do restelo, que conseguiram fazer com que o seu adversário fizesse a quinta falta sensivelmente a meio da etapa complementar, fazendo com que cada falta originasse um livre direto, ou seja, uma situação de perigo iminente.

Nos restantes jogos, destaque para mais uma vitória do SL Benfica por 3 golos a 1 frente ao SL Olivais, garantindo assim a nona vitória em outros tantos jogos, num jogo que se disputou na sexta à noite devido aos compromissos do Benfica na UEFA Futsal Cup durante esta semana e que proporcionou um bom espetáculo para quem se deslocou até ao pavilhão nº 2 da Luz, com os encarnados a saírem vencedores num jogo onde o SL Olivais provou estar a ser uma das boas surpresas do campeonato: apesar de só terem marcado o seu tento de honra nos segundos finais nunca desistiram do resultado e podiam ter acabado o jogo com pelo menos mais um golo não fosse o desacerto dos avançados lisboetas na finalização.

O Sporting CP teve um jogo bem mais tranquilo, vencendo no seu reduto o CS São João por 8-1, isto apesar de ter sido a formação de Coimbra a inaugurar o marcador nos segundos iniciais, pese embora a vitória leonina nunca ter estado em perigo tal foi a superioridade demonstrada ao longo dos 40 minutos de jogo.

Anúncio Publicitário
Triunfo leonino nunca esteve em causa Fonte: Futsal Global
Triunfo leonino nunca esteve em causa
Fonte: Futsal Global

A desportiva do Fundão venceu na deslocação a Braga, para defrontar o Gualtar, por 1-0, no jogo com menos golos da jornada mas porventura o jogo mais emocionante e com mais qualidade de toda a jornada. Um golo que surgiu logo aos seis minutos da primeira parte e que se revelou decisivo para as contas finais do jogo, apesar das muitas oportunidades de parte a parte que surgiram durante todo o jogo e da muito boa réplica dada pela equipa do Gualtar. De resto, todos os outros três jogos registaram vitórias caseiras, do SC Braga perante o Leões de Porto Salvo, por 6-0, do Modicus frente ao Rio Ave (6-3) e da Quinta dos Lombos ante o Boavista (5-2).

Foto de Capa: Futsal Global