cab futsal

Desde a passada quinta-feira até ao dia de hoje, disputou-se no Pavilhão Dr. Salvador Machado, em Oliveira de Azeméis, a primeira edição da Taça da Liga, em que o Sporting CP conseguiu provar a sua consistência desde o início e levou de vencida o troféu, batendo respetivamente CCRD Burinhosa, Modicus e AD Fundão. Mas vamos por partes, e vou falar um pouco sobre os jogos dos quartos-de-final, onde o Sporting CP não teve, de todo, tarefa fácil.

Teve pela frente a aguerrida equipa da Burinhosa, que dificultou imenso a tarefa dos lisboetas, ainda ameaçando uma recuperação quando o placard assinalava 4-1 para os leões, fixando o resultado final num 4-3 para os futuros campeões, sem manchar em nada a bela época que os leirienses estão a fazer e, por conseguinte, a boa exibição neste jogo. Nos restantes jogos, destaque para a eliminação precoce de SL Benfica e SC Braga, aos pés da AD Fundão (1-0) e Modicus (1-0 nas grandes penalidades após 3-3 no tempo regulamentar). Estava assim o caminho para o título mais “facilitado” para os verde-e-brancos, com a queda dos seus dois grandes rivais, pese embora o valor das formações ainda em prova.

No outro jogo, o SL Olivais garantiu o derradeiro bilhete para as meias-finais ao afastar o Belenenses por 3-1. Nas meias-finais o Fundão foi o primeiro a garantir vaga na final, ao bater o SL Olivais nas grandes penalidades (3-1 após empate a duas bolas no tempo regulamentar). Pouco depois, o Sporting CP entrou em campo para derrotar a equipa do Modicus por 5-2, no jogo mais desequilibrado em termos de resultado final de toda a competição, mas que não espelha a boa réplica que os nortenhos deram. Estavam assim definidos os grandes finalistas desta competição, que foram as equipas mais competentes desde o início, justificando por completo a sua presença no jogo decisivo.

E a final, disputada hoje à tarde, não defraudou em nada as expetativas de quem se deslocou até ao recinto para assistir ao jogo, vislumbrando uma grande partida, em que ambas as equipas mostraram sempre enorme vontade de vencer, resultando num jogo extremamente equilibrado onde apenas os rasgos individuais de Cavinato decidiram, ao apontar os dois golos com que o Sporting venceu o Fundão (2-0).

A equipa beirã, orientada por Bruno Travassos, bem tentou lutar com todas as suas armas, mas foi mesmo a equipa leonina a levar o troféu para casa. O aspeto mais positivo de toda a competição, para além da boa organização por parte da autarquia de Oliveira de Azeméis, foi mesmo o elevado nível mostrado por todas as oito equipas em prova, mostrando o bom momento que a modalidade atualmente atravessa.

Por isso, os meus sinceros parabéns a todos os intervenientes de cada uma das formações em competição pela ótima divulgação que fizeram do futsal e em especial às equipas amadoras, que com exceção de SL Benfica e Sporting CP são todas as outras seis coletividades, e apesar disso demonstraram valor para poder ombrear com os grandes clubes.

Foto de Capa: Futsal Global

Comentários