ÚLTIMA HORA:

Benfica Hóquei em Patins

SL Benfica 4-3 Sporting CP: Encarnados quebram série leonina de vitórias

A CRÓNICA: ÁGUIAS NUNCA ESTIVERAM ATRÁS DO RESULTADO

O SL Benfica venceu, em casa no Pavilhão da Luz, o jogo frente ao Sporting CP, pela margem mínima. O jogo começou equilibrado com as equipas bastante compactadas uma na outra. As oportunidades não foram muitas no primeiro tempo e as poucas que aconteceram foram bem resolvidas pelos dois guarda redes.

A balança começou a pender para a equipa da casa com a inferioridade numérica leonina devido ao cartão azul admoestado a Romero a quatro minutos do intervalo. Ordoñez não conseguiu bater Girão no livre direto, mas Gonçalo Pinto, no minuto a seguir, fez o 1-0.

O argentino falhou de bola parada, mas redimiu-se num grande remate na passada. Girão foi apanhado de surpresa e o Sporting ficou em pouco tempo com dois golos de desvantagem. O intervalo acabou por chegar sem que os visitantes conseguissem reduzir o dano.

No segundo tempo, o Sporting entrou como acabou a primeira metade: a criar oportunidades para encurtar distâncias. Os leões acabaram mesmo por marcar por Romero, aos três minutos da etapa complementar.

O jogo acabou por ficar mais tenso e levou a que as duas equipas ficassem com um elemento a menos com os cartões azuis exibidos a Ordoñez e Gonçalo Nunes. Pouco depois, os visitantes chegaram à décima falta e Nicolía não desperdiçou o livre direto para voltar a alargar a distância no marcador.

O Sporting passou pelo melhor período do jogo com vários lances perigosos e a colocar os encarnados em sentido. Os leões voltaram a marcar. Romero reduziu a 12 minutos do fim e o jogo voltou a ficar dividido com ocasiões para ambos os lados. Os benfiquistas tiveram uma oportunidade soberana, numa grande penalidade, que Diogo Rafael não conseguiu converter.

Já a dois minutos do fim, os encarnados cometeram a décima falta e Romero chegou ao empate no respetivo livre direto. Contudo, quase nem deu tempo para os verdes e brancos celebrarem porque Ordoñez atirou para o fundo da baliza leonina, após assistência de Diogo Rafael, fixando o resultado em 4-3.

 

A FIGURA

Fonte: Pedro Reis / Bola na Rede

Lucas Ordoñez – Foi decisivo com os dois golos que marcou. O primeiro permitiu ir para o intervalo e marcou ainda o golo decisivo que deu a vitória ao SL Benfica.

O FORA DE JOGO

Fonte: Diogo Cardoso / Bola na Rede

Gonzalo Romero – No momento em que a partida ainda se mantinha equilibrada, o argentino rasteirou Nicolía e deixou a equipa a jogar com menos um jogador. Os encarnados aproveitaram e chegaram à vantagem. Apesar dos dois golos marcados, o momento anterior foi mais decisivo no jogo. No final da partida, o hoquista ainda foi expulso.

 

ANÁLISE TÁTICA – SL BENFICA

Os encarnados entraram a tentar criar desequilíbrios através de jogadas coletivas. No entanto, as equipas estavam encaixadas até à exclusão de Romero. A equipa tentou gerir a vantagem e, quando o resultado ficava pela margem mínima, os encarnados voltaram a tentar aproximar-se da baliza contrária.

5 INICIAL E PONTUAÇÕES

Pedro Henriques (7)

Edu Lamas (6)

Ordoñez (7)

Poka (6)

Gonçalo Pinto (7)

SUBS UTILIZADOS

Rodrigo Vieira (-)

Diogo Rafael (6)

Pol Manrubia (6)

Carlos Nicolía (7)

Zé Miranda (6)

ANÁLISE TÁTICA – SPORTING CP

Os leões entraram compactos para não deixar o Benfica criar oportunidades, mas também não as conseguiu construir. A perder por 2-0 e por 3-1, os visitantes assumiram o jogo e apontaram a mira à baliza de Pedro Henriques.

5 INICIAL E PONTUAÇÕES

Ângelo Girão (7)

Gonzalo Romero (6)

Matias Platero (6)

Verona (6)

 João Souto (6)

SUBS UTILIZADOS

Zé Diogo Macedo (-)

Gonçalo Nunes (6)

Henrique Magalhães (6)

Ferran Font (7)

Toni Pérez (6)

Componente 5 – 1 (1)

Curioso em múltiplas áreas, o desporto não podia escapar do seu campo de interesses. O seu desporto favorito é o futebol, mas desde miúdo, passava as tardes de domingo a ver jogos de basquetebol, andebol, futsal e hóquei nacionais.

Curioso em múltiplas áreas, o desporto não podia escapar do seu campo de interesses. O seu desporto favorito é o futebol, mas desde miúdo, passava as tardes de domingo a ver jogos de basquetebol, andebol, futsal e hóquei nacionais.

[my_elementor_post_nav_output]

FC PORTO vs CD TONDELA