Anúncio Publicitário

A CRÓNICA: UMA PARTIDA “CONTRA O VENTO”  

O SL Benfica conseguiu levar a melhor sobre o OC Barcelos e deixou uma imagem positiva, no final da fase regular.

Os encarnados começaram mais ativos no ataque e chegaram cedo ao 1-0, numa bola jogada concluída por Ordoñez. O OC Barcelos tentou equilibrar a partida e conseguiu, através de um remate de meia distância de Luís Querido.

Anúncio Publicitário

A segunda parte acabou por ser mais animada do que a primeira. O OC Barcelos teve boas oportunidades para completar a cambalhota no marcador no início do recomeço da partida, só foram os encarnados a marcar. Num lance algo confuso, com vários ressaltos, Ordoñez voltou a ser eficaz.

O SL Benfica ficou mais ativo no jogo e teve vários lances de perigos para alargarem a vantagem e até desperdiçaram uma grande penalidade. Contra a corrente do jogo, foram os visitantes a finalizarem, numa boa incursão de Gimenez que, rodopiou e fez o 1-2.

As equipas tiveram ambas oportunidade de um livre direto por chegarem à décima falta, mas nenhuma aproveitou. A partida acabou por ficar numa toada mais morna e o marcador voltou a mudar outra vez perto do final da partida. Na sequência de uma boa jogada de envolvência coletiva, Luís Querido bisou e colocou o OC Barcelos, pela primeira vez, em vantagem.

Mais uma contradição no jogo, quando o SL Benfica estava a jogar com menos um pelo cartão azul dado a Diogo Rafael, foi a equipa da casa a marcar. Numa perda de bola do adversário, o Benfica lançou um contra-ataque rápido concluído por Ordoñez.

Rocha ainda colocou o OC Barcelos novamente em vantagem, mas o Benfica conseguiu a reviravolta no último minuto da partida. Perdas de bola dos visitantes com os encarnados a aproveitarem para conseguirem garantir a vitória nos segundos finais.

A FIGURA

Fonte: SL Benfica Modalidades

Ordoñez – Importantíssimo e decisivo no desfecho do jogo. Quatro dos cinco golos dos encarnados foram marcados pelo internacional argentino, que esteve sempre muito ativo e dinâmico no ataque.

O FORA DE JOGO

🍀Resultado final.

🤜🤛Não era o que pretendíamos, mas seguimos juntos e determinados.

🌟Olhos postos já no playoff.💙🤍

Pubblicato da Óquei Clube de Barcelos su Sabato 17 aprile 2021

Perdas de bola em movimento ofensivo do OC Barcelos – Erros na gestão da posse debola na segunda parte permitiram ao Benfica transições rápidas perigosas, com alguns dos lances a serem decisivos para a partida.

ANÁLISE TÁTICA – SL BENFICA

O SL Benfica conseguiu, através de uma gestão de posse, criar desequilíbrios na defesa barcelense através do ataque apoiado na primeira e de transições rápidas na segunda. Ordoñez era o elemento que recebia a bola sempre que esta chegava à área adversária

CINCO INICIAL E PONTUAÇÕES

Pedro Henriques (7)

Valter Neves (7)

 Diogo Rafael (5)

Gonçalo Pinto (7)

Lucas Ordoñez (9)

SUBS UTILIZADOS

Marco Barros (-)

Edu Lamas (6)

Miguel Vieira (6)

Aragonèz (6)

Rampulla (6) 

ANÁLISE TÁTICA – OC BARCELOS

A equipa de Rui Neto tinha de lutar pela vitória para garantir o segundo lugar. No entanto, a reação à perda de bola esteve bastante abaixo do esperado e a equipa ficou exposta às transições rápidas do Benfica. No ataque, tentou fazer uso dos remates de meia distância perante a muralha encarnada.

CINCO INICIAL E PONTUAÇÕES

Conti (7)

Zé Pedro (5)

Luís Querido (7)

Dario Gimenez (6)

Miguel Rocha (7)

SUBS UTILIZADOS

Joka (-)

Tomás Pereira (5)

Joca Guimarães (6)

Rafa (6)

Rafael Lourenço (5)

Foto de Capa: SL Benfica Modalidades

Anúncio Publicitário

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comente!
Por favor introduz o teu nome