cab hoquei

Os Tigres de Almeirim defrontaram esta tarde o Benfica para mais uma jornada do campeonato nacional da 1ª divisão em hóquei em patins. A equipa de Almeirim perdeu por 7-2, apesar de ter aguentado o andamento do campeão nacional na ponta inicial do encontro.

Num pavilhão que certamente só traz boas memórias aos adeptos da águia, onde o Benfica reconquistou o titulo de hóquei em 2011/2012 após um interregno de dez anos, a casa estava cheia para receber a equipa de Pedro Nunes. No entanto, no inicio da partida, foi mesmo a equipa da casa a surpreender ao aguentar o ímpeto inicial das águias e a manter a partida empatada durante os primeiros 20 minutos.

Anúncio Publicitário

O primeiro golo até surgiu logo aos 8 minutos, de penalidade por João Rodrigues, mas pouco depois os Tigres de Almeirim empataram, num jogo onde registaram três cartões azuis. Aos 19 minutos, João Rodrigues, novamente, coloca o Benfica em vantagem e a partir daí a águia esteve sempre no dominio da partida.

Ainda na primeira parte marcaram Miguel Rocha e Valter Neves aumentando a vantagem para 4-1. Após o intervalo, o Benfica entra novamente melhor, marcando logo no primeiro minuto novamente por Miguel Rocha.

Pavilhão de Almeirim bem composto para receber o Benfica Fonte: Bola na Rede
Pavilhão de Almeirim bem composto para receber o Benfica
Fonte: Bola na Rede

Depois do terceiro golo de João Rodrigues aos 5 minutos da 2ª parte, o Benfica tirou o pé do acelerador, provocando aqui os únicos momentos de irritação do treinador Pedro Nunes, e os Tigres tiveram novamente oportunidade para crescer na partida, conseguindo chegar ao segundo golo por Rui Gamboa e mantendo a esperança de reduzir o marcador até ao fim da partida.

Apesar da subida de rendimento da equipa de Almeirim, a mostrar a mesma atitude do inicio da partida, foi mesmo o Benfica quem fechou a contabilidade por Tiago Rafael, que selou o marcador em 7-2.

A dupla de arbitragem do Minho foi alvo de criticas, tanto de jogadores como de adeptos, que lotaram o Pavilhão Alfredo Bento Calado em Almeirim, e que proporcionaram assim um ambiente de pavilhão como há muito não se via em Almeirim.

De registar ainda uma interrupção da partida devido a um problema numa das placas que limitava o “terreno” jogo, durante o decorrer da 2.ª parte bem como a uma deficiente actuação das autoridades que só após o rebentamento de um petardo se deslocaram para junto da claque do Benfica. Com esta vitória o Benfica mantém-se confortável no topo da tabela classificativa, enquanto os Tigres de Almeirim continuam a lutar pela manutenção na 1ª divisão nacional, em igualdade pontual com a primeira equipa acima da linha de água.