ÚLTIMA HORA:

Gustavo Ribeiro

SLS: Gustavo Ribeiro de volta ao pódio

A CRÓNICA: PROVA CONSISTENTE DE GUSTAVO RIBEIRO VALE MAIS UM PÓDIO

Depois de ter começado o World Tour com uma vitória na etapa de Salt Lake City, Gustavo Ribeiro terminou o ciclo competitivo anual da Street League com um terceiro lugar no Super Crown, o campeonato do mundo.

Não obstante a sua presença no pódio, o skater português não teve um início feliz na prova, na medida em que não conseguiu acertar um crooked nollie flip já na parte final da sua run, o que, por consequência, acabaria por manchar o seu score. Ainda assim, já no best trick, Gustavo Ribeiro conseguiu-se redimir e não precisou do 5,2 que obteve na sua run para a pontuação final.

O atleta Gustavo Ribeiro mostrou um skate muito técnico no gap to hubba, com destaque para manobras como biggerflip frontboard to fakie e tre flip backside crooked grind. No final, ainda tentou um longo crooked nollie flip out no kinked rail, mas a sorte não esteve do seu lado e acabou por cair nas duas ocasiões em que tentou a manobra.

Depois de ter ocupado o lugar mais baixo do pódio no Super Crown de 2019 em São Paulo, o português volta a repetir o resultado, desta feita em Jacksonville, na Flórida.

Apesar da boa prestação de Gustavo Ribeiro, o grande destaque da tarde vai para Jagger Eaton. O skater natural do estado do Arizona ainda não é um SLS Pro, tendo conseguido um wildcard para o Super Crown por meio do terceiro lugar que arrecadou em Tampa.

A verdade é que o norte americano realizou uma prova sublime, o que acabou por lhe valer o título de campeão do mundo. Começou com uma run praticamente perfeita, dando origem a um score de 9,6. Na sequência, Jagger Eaton conseguiu realizar outras três manobras, todas dignas de nota artística. Refiro-me a truques como switch backside nosebluntslide, nollie frontside 180 switch back smith ou nollie frontside 180 switch backside overcrooked grind.

Já o lugar intermédio do pódio foi ocupado por outro rookie, Lucas Rabelo. O brasileiro tem tido uma progressão notória no que toca ao skate competitivo. Soube montar uma estratégia que acabou por se revelar profícua e, por pouco, não conseguiu atingir o primeiro lugar. Gustavo Ribeiro

Na última tentativa, Lucas Rabelo precisava de um 9,4 para ultrapassar Jagger Eaton. Arriscou um fontside 270 ollie switch back lip no corrimão, manobra cujo score atribuído foi um 9,1. Além da manobra já mencionada, realizou um impressionante frontside 270 ollie frontside noseslide no gap to hubba. Gustavo Ribeiro

Para surpresa de muitos, Nyjah Huston, seis vezes campeão do mundo, ficou fora do pódio. Depois de ter conseguido um caballerial back noseblunt e um kickflip backside lipslide, o norte americano tentou um switch heelflip frontside lipslide por duas vezes para chegar ao pódio, mas a sorte não esteve do seu lado e acabou por cair em ambas as ocasiões.

Por último, a luta pela qualificação para a final a quatro esteve muito acesa entre Kelvin Hoefler e Lucas Rabelo, mas este último acabou por levar a melhor e continuar a disputar a final. Já Shane O’Neill, depois de um 9,5 na sua run, parecia ter todas as condições para estar entre os primeiros quatro, mas não conseguiu realizar o bigspin backside tailslide to fakie. Os restantes Alex Midler e Felipe Gustavo não mostraram a consistência habitual e ficaram fora da disputa numa fase ainda muito precoce.

Foto de Capa: SLS

Componente 5 – 1 (1)

Natural de Lisboa, mas de origem italiana, a sua paixão é o Rugby. Está inserido na modalidade enquanto jogador e árbitro.                                                                                                                                                 O Marco escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.

Natural de Lisboa, mas de origem italiana, a sua paixão é o Rugby. Está inserido na modalidade enquanto jogador e árbitro.                                                                                                                                                 O Marco escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.

[my_elementor_post_nav_output]

FC PORTO vs CD TONDELA

  • 00DIAS
  • 00HORAS
  • 00MINUTOS
  • 00SEGUNDOS
FC PORTO x ESTORIL PRAIA
SPORTING CP x SANTA CLARA
PAÇOS FERREIRA x SL BENFICA