cab Snooker

Está em todo o lado. A derrota do campeão da época de 2012/2013 na primeira ronda não é notícia fácil de digerir. Judd Trump perdeu 5-6 contra Alan McManus na negra. Apesar de o snooker ser um desporto pouco previsível, acredito que 99% das apostas recaíam sobre o Ace. A realidade é que um dos factores que tornam esta modalidade tão cativante é essa imprevisibilidade, mas, para mim, o campeonato acabou de perder um pouco da sua piada.

É verdade que é óptimo ver jogadores que não estão no top 10 ter uma vitória destas face ao número três do ranking mundial. Neste momento, Alan detém o 48º lugar da tabela e está a provar que merece mais. Com isto não quero dizer que Judd Trump perdeu para um novato da “coisa”, mas não é o grau de competição a que estamos habituados.

http://www.gettyimages.pt/
Judd Trump tem sido muito criticado
Fonte: Getty Images

As críticas a Trump surgiram, como era de esperar. Os seguidores de snooker têm a sua opinião bem vincada: Judd não passa de um menino que não respeita o jogo, que só se preocupa com a imagem e que perde mais tempo a escolher qual o próximo carro de luxo que lhe vai encher a garagem do que propriamente a concentrar-se no jogo.

Analisando as prestações anteriores, posso dizer que começo a partilhar desta opinião, mas reconheço que ter-se 24 anos e já se ser considerado dos melhores do mundo é algo com que é difícil de lidar. O dinheiro e fama não pararam de crescer desde que ganhou ao nº1 Mark Selby no China Open, em Abril de 2011. A partir daí, o estilo de vida mudou drasticamente. É convicção minha que não passa de uma fase; uma má fase. Estes resultados apenas demonstraram a imaturidade de Judd e a falta de “estofo” para aguentar situações destas. Acredito que as perdas destes jogos vão ser lições e que vão começar a surgir efeitos positivos na sua maneira de lidar com as suas megalomanias. Dentro de pouco tempo vamos ver a fénix renascer das cinzas.

Anúncio Publicitário

Impossível é dizer que lhe falta talento e técnica, mas é verdade que o seu naughty snooker anda a desiludir.

Artigo anteriorEm 2014, por onde anda Portugal?
Próximo artigoÉ desta, Nélson?
A Cátia está habituada a que façam piadas com o seu nome. Aos 14 anos comprou uma égua lusitana com o dinheiro que poupou durante 3 anos. Agora consegue pôr a família toda a ver snooker. Já tentou ir duas vezes a Inglaterra ver o campeonato do mundo mas "é mais fácil receber uma carta para Hogwarts" do que arranjar bilhetes.                                                                                                                                                 A Cátia escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.