cab Surf

Passou-se, no passado fim de semana, na Costa da Caparica, a primeira etapa da Liga Moche, que contou com a presença dos melhores atletas masculinos de todo o país. Com ondas a rondar um metro de altura, o round 1 ficou marcado pela passagem de Vasco Ribeiro, Frederico Morais, Francisco Alves, Nicolau Von Rupp, Marlon Lipke, José Ferreira, Filipe Jervis, Justin Mujica, Gony Zubizarreta, Ruben Gonzalez e dos irmãos Guichard à fase seguinte. Uma vez que a Liga Moche não conta com repescagens, os atletas que foram eliminados logo no primeiro round saíram automaticamente da competição.

Com a subida do vento no início do round 2, as condições tornaram-se um pouco mais complicadas para os atletas, mas ainda assim houve muito surf ao mais alto nível, destacando-se nesta fase os surfistas Vasco Ribeiro e Gony Zubizarreta, uma vez que fizeram os scores mais altos da ronda, 16.50 e 15.25, respetivamente.

Anúncio Publicitário

O round 3 foi o último a ser realizado no sábado. Com condições bem mais difíceis devido ao forte vento e à maré cheia, Gony Zubizarreta voltou a ser o protagonista. Depois de um excelente score no round 2, agora era a vez de totalizar a sua bateria com um score de 18 pontos, em 20 possíveis. Deste modo, Gony passou em primeiro lugar, ficando em seguida Frederico “Kikas” Morais. Esta ronda ficou marcada também pela eliminação precoce de Felipe Jervis e Francisco Alves, atleta local da Costa da Caparica.

Gony Zibizarreta em acção Fonte: Surftotal.com
Gony Zibizarreta em acção
Fonte: Surftotal.com

No domingo, o sol acordou com preguiça de espreitar. Era, então, o tão desejado dia das finais. Começavam os quartos de final, e agora uma grande mudança acontecia: os heats já não eram constituídos por quatro atletas mas sim por dois, de modo a tornar a prova ainda mais competitiva e renhida.

Primeiro heat na água, e o público já estava completamente excitado por ver uma final antecipada, uma vez que Vasco Ribeiro encontrava pela frente o seu grande amigo Frederico Morais. Kikas acabou por vencer por um triz, visto vez que a diferença pontual foi de 0,55. Deste modo, o surfista da Billabong passou às meias finais com um score de 13.80, e Vasco Ribeiro saiu eliminado com 13.25. A segunda bateria do dia era entre Gony Zubizarreta e David Gonzalez. Gony acabou por levar a melhor, vencendo Ruben com um score total de 14.35. Era agora a vez de José Ferreira defrontar Tomás Fernandes. Com condições mais complicadas, devido ao crescimento das ondas, José Ferreira (12.50) venceu Tomas (8.00), usando o seu surf explosivo. Por fim, tínhamos dois luso-germânicos no mesmo heat. Num lado, encontrava-se o vencedor do Moche capítulo Perfeito, Nicolau Von Rupp, e, do outro lado, o experiente Marlon Likpke, que acabou mesmo por vencer facilmente Nic. Deste modo, Marlon acabou o heat com um score de 16 pontos e Nicolau com 11.50. A derradeira final estava cada vez mais perto, mas primeiro ainda faltava as meias finais. Na primeira, Frederico Morais encontrou pela frente o vencedor do segundo heat dos quartos de final, Gony Zubizarreta. Como já tinha acontecido no round 3, os dois altetas voltaram a encontrar-se, mas, desta vez, Fredericos Morais não entrou com cerimónias, acabando por vencer com um score 14.25. Ainda assim, Gony acabou com um score de 13.75, e saiu da prova satisfeito pelo seu alto rendimento em toda a competição. Na segunda meia final, tínhamos José Ferreira e Marlon Likpe. Numa bateria com pouca ação, o luso-germânico acabou por sair vencedor com um score total de 12.40. José Ferreira acabou com um total de 11 pontos.

Finalmente chegava a grande final, que reunia dois grandes surfistas, Frederico Morais e Marlon Lipke. Numa final bastante disputada e cheia de ação, grandes manobras saíram das pranchas dos dois atletas, e ninguém conseguia escolher um vencedor. Contudo, como apenas um pode vencer, Kikas acabou por se sagrar campeão da primeira etapa da da Liga Moche, com um excelente score de 15.75 pontos. Marlon, apesar da derrota, teve também uma excelente prestação, acabando com um score 15.30 pontos.