cab Surf

Margaret River ja está a bombar. A segunda etapa do World Championship Tour teve início ontem na Austrália. Com condições agradáveis e vento off shore, os surfistas do WCT mostraram mais uma vez porque é que são os melhores surfistas do mundo.

Vamos começar com o melhor surfista de todos os tempos. Kelly Slater acabou o contrato com a marca Quiksilver. Depois de ter ganho 54 provas e 11 títulos mundiais, o surfista norte-americano surfa agora sem patrocínio. Será que foi por isso que o surfista de 42 anos perdeu no primeiro round do Drug Aware Margaret River Pro?!

Gabriel Medina, pelo contrário, foi uma das sensações do round 1. O seu surf pelos ares não deu hipótese aos seus grandes rivais, John John Florence e Kolohe Andino. Num dos heats mais esperados do dia, por estar composto apenas por atletas da nova geração, Gabriel Medina acabou a bateria em primeiro lugar com 15.40 pontos, seguido de John John Florence com 14.67 e por fim Kolohe Andino com 12.96.

Jordy Smith foi outro dos sucessos do dia ao passar a sua bateria em primeiro com um total de 15.33 pontos em 20 possíveis. Deste modo, segue directamente para o round

Anúncio Publicitário
Gabriel Medina a voar na onda australiana. Fonte: Torcedores.com
Gabriel Medina a voar na onda australiana.
Fonte: Torcedores.com

Taj Burrow e o campeão mundial Mick Fanning, ambos australianos, terminaram as respetivas baterias tambem na primeira posição. Julian Wilson, também australiano, teve o melhor score do dia com 16 pontos.

Jadson André foi protagonista de um momento não tão provável ao vencer uma bateria bastante complicada contra Owen Wright e Adriano de Sousa. Ainda assim, Jadson, que tem andado um pouco apagado nas últimas etapas, venceu devido ao seu espantoso surf. Surf esse que é feito também pelos ares. Owen Wright, que esteve mais de 6 meses lesionado, voltou este ano à competição mas parece que ainda não está a 100%. Recordo que Owen é um surfista com um potencial tremendo e com capacidade de chegar ao título mundial.

Fica agora com os vencedores do primeiro round do Drug Aware Margaret River Pro: Filipe Toledo, Jordy Smith, Taj Burrow, Adam Melling, Yadin Nicol, Mick Fanning, Julian Wilson, Miguel Pupo, Josh Kerr, Jadson Andre, Kai Otton e Gabriel Medina.

 

Aqui fica o vídeo dos melhores momentos desta primeira ronda da 2ª etapa do Circuito Mundial:

http://www.aspworldtour.com/posts/36407/drug-aware-margaret-river-pro-day-1-mens-highlights-round-1

Artigo anteriorAZ Alkmaar 0-1 SL Benfica : Reinou a lei do mais forte
Próximo artigoBasta do “Movimento Basta”
O Jóni é um jovem surfista que começou a praticar surf há 5 anos e, desde então, nunca mais parou. Mesmo quando as ondas estão pequenas, a "pica" é tanta que acaba sempre por entrar só para colocar a "prancha no pé".                                                                                                                                                 O Jóni não escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.