Chegou ontem ao fim mais uma edição do Masters 1000 de Madrid. Na grande final, Novak Djokovic defrontou Stefanos Tsitsipas.

Antes de falar do encontro decisivo, é importante recordar o percurso de ambos os jogadores até à final.

Percurso de Novak Djokovic:

  • 16avos de final:  Novak Djokovic 2-0 Taylor Fritz
  • Oitavos de final: Novak Djokovic 2-0 Jeremy Chardy
  • Quartos de final: Novak Djokovic – Cilic (Novak Djokovic venceu o encontro, após a desistência de Marin Cilic.)
  • Meia-final: Novak Djokovic 2-0 Dominic Thiem

O jogador sérvio teve um percurso sem sobressaltos. Nos três encontros que disputou, não cedeu qualquer set, demonstrando, desta forma, todo o seu poderio durante a sua caminhada, principalmente na partida diante do quinto classificado do ranking ATP, a contar para a meia final.

Percurso de Stefanos Tsitsipas:

  • 16avos de final:  Stefanos Tsitsipas 2-0 Adrian Mannarino
  • Oitavos de final: Stefanos Tsitsipas 2-0 Fernando Verdasco
  • Quartos de final: Stefanos Tsitsipas 2-1 Alexander Zverev
  • Meia-final: Stefanos Tsitsipas 2-1 Rafael Nadal

O tenista grego de, apenas, 20 anos teve, ao contrário do seu oponente, um caminho mais complicado para chegar até ao encontro do título, sobretudo no jogo dos quartos e meia final, onde defrontou o quarto classificado do ranking ATP e um dos melhores, senão o melhor, tenista de terra batida do mundo, falo de Alexander Zverev e Rafael Nadal, respetivamente.

Relativamente à final, Novak Djokovic entrou muito forte na partida e, rapidamente, impôs o seu jogo na partida, conseguindo um break point no primeiro jogo de serviço de Stefanos Tsitsipas. O número nove do ranking ATP ainda tentou entrar na disputa do primeiro set, no entanto, o tenista sérvio segurou a vantagem e confirmou a vitória no jogo.

No segundo set, a partida ficou mais equilibrada. Ambos os jogadores venceram os seus primeiros quatro jogos de serviço. O momento chave do encontro ocorreu, depois de Novak Djokovic conquistar um break point no serviço de Stefanos Tsitsipas. Confirmado o break point, o número um mundial não desperdiçou e garantiu a vitória no encontro.

Com este triunfo, Novak Djokovic conquistou, pela terceira vez, o título de campeão do Masters de Madrid. Já Stefanos Tsitsipas não conseguiu repetir o que tinha feito a semana passada (venceu o Millennium Estoril Open) mas, apesar da derrota, deixou a sua marca no torneio com a monstruosa vitória frente a Rafael Nadal.

Foto de Capa: ATP World Tour

Comentários