cab ténis

Se alguém pensava que Novak Djokovic poderia descomprimir após a sua vitória no US Open, as últimas duas semanas provaram exactamente o contrário. O número 1 mundial venceu em Pequim, não perdendo mais de 3 jogos em qualquer set ou 5 jogos em qualquer encontro, e continuou a sua forma devastadora em Shanghai: Tomic foi quem mais oposição lhe fez, ganhando… 7 jogos ao sérvio. Djokovic venceu Murray nas meias-finais 6-1 6-3 e Tsonga na final 6-2 6-4 para conquistar o seu 5.º título do Masters 1000 do ano e 25.º da sua carreira.

Djokovic confessou que considera estar a jogar o melhor ténis da sua carreira neste momento e os resultados falam por si. Se conseguir manter esta forma e vencer o torneio de final de época em Londres, muitos considerarão a época de 2015 de Djokovic como a melhor da história do desporto.

Por falar no World Tour Finals, Berdych e Nadal carimbaram o seu passaporte esta semana, juntando-se assim aos já qualificados Djokovic, Murray, Federer e Wawrinka. Berdych desceu muito de rendimento após um início de época muito forte, mas ainda assim conseguiu qualificar-se pelo 6.º ano consecutivo; no século XXI, apenas Federer (14), Nadal (11), Djokovic (9), Murray (8) e Roddick (8) conseguiram terminar no top 8 por mais anos consecutivos do que a série actual do checo, que continua a exibir a consistência inacreditável ano após ano, faltando-lhe “apenas” os títulos.

Nadal, por seu turno, deu alguns sinais de estar a voltar à sua melhor forma nestas duas últimas semanas, com algumas vitórias muito bem conseguidas. A derrota nas meias-finais de Shanghai contra Tsonga, num encontro muito disputado, não o deixará satisfeito mas o progresso no seu nível de jogo é evidente.

As últimas duas vagas em Londres serão quase certamente para Kei Nishikori e David Nishikori. Tsonga tem algumas possibilidades de ultrapassar Ferrer, mas teria de manter a forma que exibiu em Shanghai nas próximas semanas em Viena e Paris Bercy, o que se afigura improvável conhecendo a inconsistência do Francês.

Foto de Capa: Facebook Oficial de Novak Djokovic

Comentários