Esta foi uma semana marcada por encontros europeus para SL Benfica e Sporting CP. Os encarnados viajaram até à Polónia para a quarta jornada da CEV Champions League Volley, onde defrontaram o Verva Warszawa. Os leões tinham pela frente os checos do BV Kladno a contar para os Oitavos de Final da CEV Volleyball Challenge Cup. Contudo, as sortes foram distintas para os dois conjuntos lisboetas.

DERROTA NA POLÓNIA COMPLICA O SONHO EUROPEU

Começando com o campeão nacional, o SL Benfica, a viagem à Polónia tinha contornos extremamente importantes para a continuação na prova ou pelo menos sonhar com algo ainda. Uma vitória podia relançar a equipa para o segundo lugar do Grupo D, que é liderado pelo Perugia.

Os encarnados até começaram bem o primeiro set, que acabaram por liderar por algumas ocasiões, contudo os polacos iam equilibrando as contas e, por vezes, empatando mesmo o set. Quando ficou igualado a 21-21, foi o descalabro total por parte dos comandados de Marcel Matz. Um parcial de 4-0 a favor dos polacos acabou com a esperança “encarnada” de vencer este set.

A derrota no primeiro set influenciou muito a maneira como as águias entraram novamente, mas, desta vez, para o segundo set. O SL Benfica só esteve em vantagem no primeiro serviço quando fez o 0-1, pois daí até ao final do set foi sempre do Verva Warszawa a estarem na frente. Vitória categórica por 25-13 e marcava 2-0 em sets a favor dos polacos.

Anúncio Publicitário
Os encarnados esbarraram novamente contra a muralha polaca e complicaram as contas do grupo
Fonte: Carlos Silva/Bola na Rede

O último set? Mais do mesmo, embora este tenha sido mais equilibrado do que o anterior. As águias estiveram em vantagem por um parcial de 2-3, mas foi a última vez que o estiveram na partida. Daí até ao final, os polacos impuseram o seu jogo e o ritmo que queriam, acabando por terminar o set em 25-22. Terminado o jogo houve derrota portuguesa por 3-0. Uma derrota que deixa os encarnados em terceiro lugar a três pontos do segundo, o Verva Warzawa, e com sérias dificuldades em manter o sonho europeu.

REGRESSO DA REPÚBLICA CHECA COM UMA VITÓRIA E COM TRANQUILIDADE

O Sporting CP visitou a República Checa, e a casa do BV Kladno, na primeira mão dos Oitavos de Final da CEV Volleyball Challenge Cup e o resultado sorriu aos portugueses, ainda que muito suado. Um vitória preciosa para encarar o jogo em Portugal de uma forma mais calma, ainda que se tenha de ter cautelas.

No primeiro set viveu-se num jogo de parada e resposta de ambas as formações. A primeira liderança pertenceu ao Sporting, que acabou por passar para os checos quando o parcial ficou por 9-8, e, quando todos acreditavam que no pavilhão seria uma vitória para o Kladno, chegou a surpresa. Um 24-22 a favor dos checos terminou mesmo num 25-27 para os leões. Emoção até ao fim é isto que se pode dizer.

No set seguinte, novamente o protagonismo para o equilíbrio no resultado. Ponto lá, ponto cá, mas nunca com grandes vantagens. Quando estava tudo empatado a nove, foi a altura em que o Sporting se distanciou, e, apesar de a vantagem ser curta, os checos não conseguiram responder. No final houve vitória de set para os leões por 17-25.

Se nos outros sets falamos em equilíbrio, então neste último tivemos incerteza até ao final. Contudo, estava destinado que os leões levassem na bagagem para Lisboa os 0-3 e assim foi. Diversas vantagens para ambos os clubes, mas no final o 23-25 foi o suficiente para somar mais um set para os verdes e brancos e a vitória no encontro. O triunfo leonino dá a possibilidade à equipa de Gersinho de encarar o próximo encontro europeu (11 de fevereiro) com mais tranquilidade.

Foto de Capa: Carlos Silva/Bola na Rede

Artigo revisto por Inês Vieira Brandão